A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Novembro de 2017

19/10/2017 14:57

Décima edição da BGS justifica título de maior feira de games da América Latina

Rodrigo “Vigia” Motta
Décima edição da BGS justifica título de maior feira de games da América Latina

A décima edição da Brasil Game Show que ocorreu entre os dias de 11 a 15 de outubro no Expo Center Norte em São Paulo deixou sua marca. Para comemorar a décima edição, além das tradicionais atrações, pudemos contar com presenças especiais como Ed Boon (um dos criadores da franquia Mortal Kombat), NolanBushnell (fundador da Atari), David Crane (co-fundador da Actvision e desenvolvedor de alguns clássicos do Atari 2600, como Pitfall, Freeway e Decathlon), Phil Spencer (chefe da divisão Xbox da Microsoft) e Hideo Kojima (criador da franquia Metal Gear, Zone of the Enders, Snatcher, dentre outros), com direito a um espaço próprio de “meetandgreet” para contato dos visitantes do evento com as atrações convidadas, possibilitando sessão de fotos e autógrafos de maneira organizada.

A Brasil Game Show também justificou o título de maior feira de games da América Latina. Tivemos a oportunidade de ver muitas novidades do mundo gamer, contando inclusive com vários jogos que ainda não foram lançados.

A Ubisoft trouxe Assassin’s Creed:Origins, que lançará dia 27 de outubro deste ano e FarCry 5, que está previsto para 27 de fevereiro do ano que vem, além de South Park: The FracturedButWhole (A Fenda que Abunda Força), que no momento da feira ainda não tinha sido lançado, fato que ocorreu dia 17 de outubro, todos para PS4, Xbox One e Windows. Outra atração da empresa foi o Just Dance 2018, previsto para 24 de outubro, que irá contemplar além das plataformas supracitadas, o Nintendo Switch, Wii U, Wii, PS3 e Xbox 360.

A Capcom trouxe Dead Rising 4, que embora já esteja disponível para Windows e Xbox One será lançada para PS4 em dezembro, além de Monster Hunter: World, previsto para 26 de janeiro do ano que vem para PS4, Xbox One e Windows.

No estande da Warner pudemos ver os jogos da ElectronicArts:Need for Speed: Payback, previsto para 10 de novembro, Star Wars Battlefront II, previsto para 17 de novembro, ambos para PS4, Xbox One e Windows, além de LEGO Marvel Super Heroes 2, programado para 14 de novembro, que além das plataformas citadas anteriormente, também contemplará o Nintendo Switch.

Xbox e SONY também vieram com peso com seus exclusivos.

A Xbox trouxe Sea of Thieves, em desenvolvimento pela Rare e previsto para 2018 e Super Lucky’s Tale, um plataforma 3D, enquanto a SONY trouxe alguns jogos de realidade virtual, como The Persistence, The Inpatient (do mesmo estúdio que desenvolveu UntilDawn) E Moss, além de Detroit: BecomeHuman, da Quantic Dream, mesma desenvolvedora de Heavy Rain e Beyond: Two Souls, programado para 2018, bem como Gran Turismo Sport, que foi lançado agora no dia 17 de outubro.

Além disso, pudemos desfrutar de títulos já citados em nossa coluna nas matérias anteriores, como o excelente Dragon Ball Fighter Z, previsto para fevereiro de 2018 para PS4, Xbox One e Windows, além de diversos jogos recém-lançados, como ForzaMotorsport 7, Cuphead, Crash BandicootN. SaneTrilogy, Horizon Zero Dawn, Battlefield 1 Revolution, dentre outros sucessos.

Isso mostra a importância que a Brasil Game Show vem ganhando ao longo dos anos, apresentando as atualidades do mundo dos games, contando com convidados internacionais de renome, campeonatos e premiações, sem esquecer é claro dos retrogames, com estandes como o do Video Game Data Base, da WarpZone e do Museu “Evolução do Videogame”.

Confira abaixo alguns dos vídeos do VGDB com a cobertura da feira. Conheça o Vídeo Game Data Base, o museu virtual brasileiro dos videogames.



 



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2017 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.