ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SÁBADO  21    CAMPO GRANDE 17º

Mapa Interativo

Pastel "de grife" custa até R$ 30; mostre no mapa lugar bom e barato

Em locais turísticos, como Mercadão e a "Pastelaria do Japonês", na Afonso Pena, comer não é programa de rico

Por Ângela Kempfer | 16/01/2022 10:38
Pastel do Mercadão tem preço mais alto por ser ponto turístico. (Foto: Henrique Kawaminami)
Pastel do Mercadão tem preço mais alto por ser ponto turístico. (Foto: Henrique Kawaminami)

Pastel sempre foi opção rápida, gostosa e barata. Porém, dependendo do lugar, pode ser mais caro que rodízio de pizza. Na última semana, o Lado B ficou na fissura por pastel e publicou 2 matérias sobre o assunto, por valores até de R$ 2,00.

Mas a equipe se assustou ao entrar no aplicativo de entregas e descobrir que em alguns endereços "nobres", conhecidos como pontos turísticos, o preço é barra pesada.

No Mercadão, tem pastel por R$ 30,00 para quem escolher misturar 3 ou 4 sabores, além do de bacalhau. O de carne, aquele tradicional, sai por R$ 17,00. E quem tem quase nada na carteira, o negócio e se contentar com o "de vento", sem recheio algum, que custa R$ 6,00.

Outro dos lugares mais conhecidos da cidade nesse quesito, o "Pastel do Japonês", na Afonso Pena, em frente à Praça do Rádio, o mais caro é de palmito com creme, por R$ 22,00. Mas um simples, de queijo, custa R$ 13,00.

Para matar a vontade de comer pastel, mas não gastar todo o vale-alimentação do mês, a gente abre o mapa interativo e "implora": coloque aí foto, endereço e indique um sabor da sua preferência:


Nos siga no Google Notícias