A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 23 de Setembro de 2017

15/08/2017 14:55

Granizo faz a alegria de irmãos que nunca tinham visto ‘gelo cair do céu’

Anahi Zurutuza
Thomaz e Rafaela brincando com o gelo que caiu do céu (Foto: Direto das Ruas)Thomaz e Rafaela brincando com o gelo que caiu do céu (Foto: Direto das Ruas)

Thomaz e Rafaela, de 11 e 6 anos, descansavam depois do almoço em frente à televisão quando se assustaram com o barulho da chuva, mais forte do que o normal. Quando olharam para fora de casa, o inesperado: 'caía gelo do céu'.

“Foi a primeira vez que eles viram granizo. Foi uma diversão para eles”, conta a mãe, Iara Regina Guedes, de 30 anos.

A família mora há dez anos na Rua da Enseada, no bairro Coophavilla 2 – sudeste de Campo Grande. “Nunca tinha visto chover granizo aqui desse jeito. Se eu tivesse juntado o que caiu no meu quintal, dava mais que um balde, com certeza”.

“Foi bem legal, pena que acabou rápido”, revelou Thomaz.

A chuva que atingiu Campo Grande no início da tarde desta terça-feira (15) durou pouco mais de meia hora e veio acompanhada não só de granizo, mas de ventos de até 64 km/h, segundo a Defesa Civil.

Não foram registrados estragos provocados pelas pedras de gelo, mas os ventos derrubaram árvores, tapumes e destelharam casas.

Granizo – Mario Festa, professor de Meteorologia do IAG (Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas) da USP (Universidade de São Paulo), explica em entrevista à revista Nova Escola que o granizo ocorre quando as temperaturas estão elevadas, a umidade relativa do ar alta e chove. “Ela [chuva de gelo] só aparece nas regiões mais quentes”, explica.

Granizo nas mãos de Thomaz (Foto: Direto das Ruas)Granizo nas mãos de Thomaz (Foto: Direto das Ruas)
Leitor que também mora na Coophavilla encheu balde de gelo (Foto: Direto das Ruas)Leitor que também mora na Coophavilla encheu balde de gelo (Foto: Direto das Ruas)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions