A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

02/10/2016 19:36

“A campanha ficou para trás, agora é trabalho”, afirma Délia Razuk

Vereadora eleita hoje com 43.252 votos prometeu fazer administração voltada para as pessoas

Helio de Freitas, de Dourados
Délia, ao lado do marido Roberto Razuk, assume prefeitura em janeiro (Foto: Helio de Freitas)Délia, ao lado do marido Roberto Razuk, assume prefeitura em janeiro (Foto: Helio de Freitas)

Eleita para administrar a cidade de Dourados a partir de 1º de janeiro de 2017, a vereadora Délia Razuk (PR) disse que campanha já ficou para trás e que agora a prioridade é trabalho.

Indiretamente, ela pediu o apoio dos principais adversários na disputa, o deputado federal Geraldo Resende (PSDB) e o deputado estadual Renato Câmara (PMDB). “Vamos precisar do apoio de todos”, afirmou Délia, em entrevista à rádio Grande FM.

“Vamos trabalhar para Dourados ser uma cidade moderna, onde os serviços públicos funcionam. Quero fazer a diferença na prefeitura. Esse foi meu compromisso com os eleitores e tenho que retribuir a confiança que eles depositaram em mim”, disse a vereadora, que até março deste ano era filiada ao PMDB e deixou a legenda para ser candidata pelo PR na janela partidária criada pela Justiça Eleitoral.

Mulher do ex-deputado estadual Roberto Razuk, Délia é natural de Ponta Porã, tem 60 anos de idade e há quatro décadas mora em Dourados. Antes de ser eleita prefeita, foi a vereadora mais votada em duas eleições e em 2010 foi prefeita interina por quatro meses.

“Estou emocionada pela vitória, mas tinha certeza que sairia vitoriosa porque fizemos um grande trabalho e muitos amigos entraram em nossa campanha e ajudaram a levar nossas propostas para todos os moradores. Quero trabalhar com competência e seriedade”, declarou.

Renato Câmara – O candidato do PMDB já se colocou à disposição da prefeita eleita e se disse feliz com os 20,7 mil votos que recebeu. “Claro que a gente queria a vitória, mas tenho que comemorar essa expressiva votação. A partir de agora meu compromisso é com Dourados. Estarei à disposição da prefeita eleita”.

Renato disse que volta para a Assembleia Legislativa com a missão de representar a cidade onde disputou a eleição neste ano. Ele já foi prefeito por dois mandatos antes de transferir o domicílio eleitoral para Dourados.

Geraldo Resende – O candidato do PSDB também já se pronunciou após o resultado das eleições e, assim como Renato Câmara, comemorou a votação que recebeu e se colocou à disposição de Délia Razuk.

“Daqui a pouco vou ligar para a prefeita eleita e cumprimentá-la por essa vitória expressiva. Mas tenho que agradecer aos 40 mil votos que recebi, que me respaldam como representante político. Eu vou continuar trabalhando em defesa de Dourados”, afirmou o tucano.

Geraldo agradeceu à equipe de trabalho e o apoio do governador Reinaldo Azambuja, a quem citou como “grande companheiro político”, e dos deputados estaduais Zé Teixeira (DEM), José Carlos Barbosa (PSB) e George Takimoto (PDT).

“Tenho que respeitar a manifestação popular e me colocar à disposição da prefeita eleita. Eu amo Dourados e vou continuar trabalhando pela minha cidade. Parabéns, Délia Razuk, conte com o deputado Geraldo Resende”, afirmou.

Apesar da derrota, Geraldo disse que vê uma vitória política do PSDB. “Vamos conversar com o governador e com os demais companheiros e fazer uma análise do quadro atual para pensar nas próximas eleições”.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions