A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

28/04/2014 15:28

Ação que pede suspensão da eleição da OAB-MS tem 35 autores e réus

Josemil Arruda
Com ação, opositores querem também tirar Júlio César da presidência da OAB-MS (Foto: arquivo)Com ação, opositores querem também tirar Júlio César da presidência da OAB-MS (Foto: arquivo)

A ação ordinária que pede a suspensão liminar da eleição da seccional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MS) marcada para 16 de junho e afastamento imediato de Júlio César Souza Rodrigues da presidência da entidade tem 35 autores e réus. Propuseram a ação 13 advogados, entre eles ex-diretores que comandaram a “renúncia coletiva”, os quais apontaram 22 réus.

Na ação que tramita na 2ª Vara Federal de Campo Grande, figuram como autores três ex-presidentes da OAB, Carmelino Resende, Elenice Carille e Carlos Marques, quatro ex-diretores que comandaram a “renúncia coletiva” e mais seis advogados.

Já no pólo dos réus, além do Conselho Federal da OAB, que tomou a decisão atacada, de fazer eleição apenas para os cargos vagos, mantendo o atual presidente estadual, da seccional da OAB-MS e da Caixa de Assistência dos Advogados (CAA-MS), figuram os nomes de Júlio César Souza Rodrigues, dos conselheiros federais Afeif Mohamad e Samia Barbieri e de mais 16 advogados.

“Entramos com ação contra todos que não renunciaram. Tem de constar todos aqueles que vão ser atingidos pela decisão, até por imposição legal”, explicou Jully Heyder, um dos ex-diretores que assinam a petição.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions