A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

14/04/2014 15:03

André entrega prêmios a alunos e lança obra em Nova Andradina

Josemil Arruda
André cumprimentando uma mãe de aluna esta manhã em Nova Andradina (Foto: Facebook)André cumprimentando uma mãe de aluna esta manhã em Nova Andradina (Foto: Facebook)

O governador André Puccinelli entregou esta manhã em Nova Andradina prêmios do projeto Escola para o Sucesso, assinou ordem de serviço, autorizou licitação e entregou dois caminhões.

“Parabenizo aos pais que acompanham seus filhos nos estudos e agradeço aos trabalhadores das escolas, administrativos e professores, que atuam para formação de bons estudantes. Essa premiação é o reconhecimento pela dedicação e envolvimento dos que estudaram e também pelo empenho de todos os envolvidos”, afirmou Puccinelli na Escola Estadual Fátima Gaiotto Sampaio, durante a entrega de prêmios.

No mesmo local, junto com o presidente da Sanesul, Victor Dib Yazbek Filho, André assinou uma ordem de serviço no valor de R$ 2.771.814,82 de recursos da Sanesul, destinada à realização de obras de implantação do sistema de abastecimento de água no distrito de Nova Casa Verde. Dois reservatórios serão construídos, um apoiado de 300 mil litros e outro elevado de 150 mil litros, além de uma elevatória, um abrigo de cloração, ativação de um poço tubular profundo, adutoras, implantação de 24.846 metros de rede de distribuição de água e 1.291 ligações domiciliares.

Puccinelli autorizou ainda a abertura do processo de licitação para execução de 12.159,74 metros de rede coletora de esgoto, 666 ligações domiciliares, uma estação elevatória e 5.224 metros de linha de recalque, para atender o Hospital do Câncer e região. Serão aplicados R$ 2.486.197,97 de recursos próprios. Por fim, o governador entregou dois caminhões à unidade da Sanesul de Nova Andradina, um com equipamento esgoto e outro com guindaste, que totalizam R$ 805.100,00.

Protesto – Durante a solenidade na escola, na rua em frente aconteceu um protesto organizado por parentes e amigos da Taynara Pereira, de 15 anos, que morreu vítima de acidente de trânsito na tarde do último sábado (12). Dificuldade na liberação do corpo pelo IML (Instituto Médico Legal), segundo o site Nova News, teria motivado a manifestação.

“Descaso do IML”, “IML vergonhoso” e “atendimento desumano” foram alguns dos gritos de protesto dos parentes da jovem. Em razão da ausência do médico legista de Nova Andradina, que tinha viajado, o corpo da jovem teve que ser levado para o IML de Dourados. Com isso, a liberação do corpo durou cerca de 22h desde a morte até o início do velório.

O governador reagiu com indignação criticando a postura do médico legista Omar Ferreira Miguel e avisando que vai tomar providências para apurar o caso. O médico se queixou de estar sobrecarregado de trabalho, afirmando que sempre vem sendo extrapolada sua jornada semanal de 40 horas de trabalho. Afirmou, inclusive, que está pensando em pedir demissão.

 

 

 

Governador premia alunos e lança obras no Vale do Ivinhema e no Conesul
O governador André Puccinelli vai cumprir agenda nesta segunda-feira (14) nos municípios de Nova Andradina e Naviraí. Em Nova Andradina, a partir das...
Marun ainda quer votar relatório da JBS antes de posse no ministério
Na véspera de ser empossado como ministro da Secretaria de Governo, o deputado Carlos Marun (PMDB-MS), relator da Comissão Parlamentar Mista de Inqué...
Senado aprova R$ 1,9 bi a estados para compensar desoneração de exportações
Após suspender a sessão do Congresso Nacional, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), retomou os trabalhos do plenário da Casa com o obj...
Temer discutirá data de votação da reforma da Previdência nesta quinta
O anúncio do líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), de que a votação da proposta de reforma da Previdência ficará para fevereiro causou r...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions