A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

17/08/2016 09:59

Candidato do PTN à Prefeitura de Campo Grande declara R$ 250 mil

Aroldo Figueiró e é engenheiro e já foi presidente do Detran-MS

Mayara Bueno
Candidato do PTN, Aroldo Figueiró (Foto: Alcides Neto)Candidato do PTN, Aroldo Figueiró (Foto: Alcides Neto)

Candidato do PTN à Prefeitura de Campo Grande, Aroldo Abussafi Figueiró, tem 63 anos e é engenheiro e ex-diretor do Detran (Departamento Estadual de Trânsito). À Justiça Eleitoral, ele declarou ter R$ 250 mil, de uma casa no Conjunto Flamboyan, enquanto seu candidato a vice, Tamotsu Mori, do mesmo partido, não informou quanto tem de patrimônio.

Ambos também não registraram o plano de governo da chapa. No entanto, no dia em que registrou a candidatura, Aroldo disse que quer igualar o salário de professor ao do chefe do Executivo Municipal, que, atualmente, está em R$ 20,4 mil.

Outra proposta é dividir Campo Grande em subprefeituras, o que, de acordo com o candidato, faz parte de uma ideia que garanta a participação popular na administração municipal.

Não comentou, nem declarou quanto pretende gastar. O vice de Aroldo na chapa é Tamotsu Mori, empresário que já atuou como representante da prefeitura nos distritos de Anhanduí e Rochedinho.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions