A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

14/07/2013 11:00

Depois de oitiva conturbada, CPI do Calote vai ouvir novas empresas

Jéssica Benitez

Amanhã a CPI do Calote se reúne novamente para colher depoimentos dos representantes das empresas Vyga (limpeza), MDR (distribuidora de alimentos) e CG Solurb (coleta de resíduos sólidos) que prestam serviços à Prefeitura de Campo Grande, porém, supostamente, não estão sendo pagas de forma correta. Esta será a terceira oitiva da comissão e está marcada para 14h, no plenarinho da Câmara Municipal.

O superintendente da Solurb, Elcio Terra, esteve presente na última sessão de depoimentos ocorrida na quinta-feira da semana passada, primeira data que foi convocado. Ele não chegou a depor porque antes de ouvi-lo, os vereadores coletaram depoimentos de representantes do Sisem (Sindicato dos Servidores Municipais), bem como da RDM, ambos os relatos acarretaram divergências entre a comissão.

Marcos Alex (PT) e Elizeu Dionizio (PSL) trocaram farpas o tempo todo e chegaram ao extremo da discussão com acusações. Elizeu alegou que Alex estava defendendo o prefeito Alcides Bernal (PP) durante a oitiva e o petista, por sua vez, disse que o restante da comissão estava "advogando" para as empresas ouvidas.

Até para o presidente da CPI, Paulo Siufi (PMDB), restou insinuações. O peemedebista, que sofre de pressão alta, ficou bastante nervoso com a “briga” e acabou encerrando a oitiva antes mesmo de ouvir o representante da Solurb, ficando para amanhã a nova rodada de apuração. Na ocasião Siufi chegou a ser medicado.



aí tem maracutaia do prefeito, empresa recém criada já ganhando licitações milionárias, abre o olho povão; fomos enganados novamente.
 
joão amaral em 14/07/2013 11:52:35
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions