A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

01/09/2016 18:25

Filho de Bolsonaro dá resposta a sobrinho de Zeca, 'aquele do vídeo'

Gravação foi feita em São Paulo, Estado que Eduardo Bolsonaro representa na Câmara Federal, e publicada no Facebook e Youtube

Anahi Zurutuza
Marcelo Heitor quando gravou o vídeo em 2015 (Foto: Reprodução)Marcelo Heitor quando gravou o vídeo em 2015 (Foto: Reprodução)
Deputado federal Eduardo Bolsonaro na tribuna (Foto: Facebook/Reprodução)Deputado federal Eduardo Bolsonaro na tribuna (Foto: Facebook/Reprodução)

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSC-SP), fez jus ao sobrenome e partiu para mais uma polêmica nas redes sociais. Mas, desta vez, ele gravou vídeo de resposta ao candidato a vereador de Campo Grande, Marcelo Heitor (PC do B), sobrinho do colega de Eduardo e do pai dele, Jair Bolsonaro, na Câmara federal, o deputado José Orcírio Miranda dos Santos, Zeca do PT.

Os Bolsonaro nunca esconderam a postura pró-impeachment de Dilma Rousseff (PT) e contra o Partido dos Trabalhadores. Ao que tudo indica, desta vez, para a “vingança” contra o candidato da Capital ligado a integrantes do PT, Eduardo Bolsonaro esperou um ano e meio.

O vídeo do parlamentar ironiza a gravação feita por Marcelo Heitor, em março de 2015, logo depois que houve uma manifestação contra o governo Dilma na Capital. O sobrinho de Zeca também publicou filmagem onde debochava de manifestantes e classificou o protesto como de “direitinha”, de “criança mimada” e “de quem não votou na Dilma e tá com dorzinha de cotovelo”.

Na ocasião, o vídeo gerou grande repercussão negativa, mas, mesmo assim, Marcelo Heitor afirmou que não se arrependia.

A gravação feita por Eduardo Bolsonaro em São Paulo, aparentemente em um aeroporto, foi publicada no Facebook dele e no Youtube na manhã desta quinta-feira (1º), um dia após Dilma ser deposta.

O vídeo começa com os dizeres: “Sobrinho do Zeca do PT debocha das manifestações de rua em 2015” e em seguida, “Eduardo Bolsonaro, que não é do PT, dá o troco em 2016”.

Trechos da filmagem feita por Heitor são colocados e o parlamentar fala logo depois. “Agora vai ter de trabalhar, parar de tirar essa onda aí oh, carrão  com teto solar, camisa pólo rosa, oclusão da moda né? Vai acabar a tetinha né?”, diz Bolsonaro.

Heitor é candidato pelo PCdoB e não pelo PT, como deu a entender o deputado federal.

Veja o vídeo:



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions