A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 24 de Março de 2019

20/12/2018 14:12

MDB espera reunião com Puccinelli para reorganizar partido, diz Mochi

Ex-governador foi solto na tarde de ontem (19) após passar cinco meses preso

Kerolyn Araújo e Leonardo Rocha
Segundo Mochi, reunião com Puccinelli deverá ocorrer em janeiro. (Foto: Leonardo Rocha)Segundo Mochi, reunião com Puccinelli deverá ocorrer em janeiro. (Foto: Leonardo Rocha)

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, Junior Mochi (MDB), disse nesta quinta-feira (20) que aguarda uma reunião com André Puccinelli para 'reorganizar' o partido para as próximas eleições. O ex-governador e o filho, André Puccinelli Júnior, foram soltos ontem (19) após cinco meses presos.

Segundo Mochi, o partido ainda não fez nenhuma reunião do balanço do ano porque esperava a soltura de André, que ainda é presidente do MDB.''Pretendemos reorganizar o partido e já montar as estratégias para as próximas eleições. Entendemos que agora é importante o André ficar com a família e amigos para começar a discutir política no ano que vem", disse. O encontro com o ex-governador deverá ocorrer no início de janeiro.

 

Para o presidente da assembleia, a decisão que colocou Puccinelli em liberdade foi justa, porém tardia. ''Não havia motivos para André estar preso. Não tinha nenhuma condenação contra ele, sequer em primeiro instância. O correto era ele responder qualquer denúncia em liberdade. Ficou muito tempo preso para quem não tinha condenação", comentou.

Prisão - André e seu filho, o advogado André Puccinelli Junior, foram presos no dia 20 de julho durante a operação Papiros de Lama, da 5ª fase da Lama Asfáltica. Desde então, os dois ocupavam a cela 17 Centro de Triagem Anísio Lima, no complexo penitenciário de Campo Grande.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions