A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

16/07/2013 17:15

MPE decide investigar contrato milionário de Bernal com a Salute

Zemil Rocha
Recém criada Salute usa terceirizada para prestar serviços à Prefeitura (Foto: Marcos Ermínio)Recém criada Salute usa terceirizada para prestar serviços à Prefeitura (Foto: Marcos Ermínio)

O Ministério Público do Estado vai investigar a Salute Distribuidora de Alimentos Ltda, com o procedimento preparatório devendo ser publicado na quinta-feira (18) no Diário Oficial. A justificativa para a investigação é uma “denúncia anônima” que chegou à 29ª Promotoria do Patrimônio Público e Social, chefiada por Fabrício Proença de Azambuja.

A polêmica envolvendo a Salute surgiu após ser constatado que a empresa recém-criada, contratada pela gestão do prefeito Alcides Bernal (PP), ter capital de apenas R$ 50 mil e ter ganhado um contrato de R$ 1,5 milhão. A Salute foi contratada emergencialmente pela Prefeitura de Campo Grande para fornecer alimentos à Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS), que os direcionaria aos Ceinfs (Centros de Educação Infantil). A empresa terá a incumbência de fornecer 43 itens de alimentos.

O promotor Fabrício Azambuja já está pedindo informações ao prefeito Alcides Bernal e a todos os setores envolvidos na contratação da Salute. Segundo informações preliminares, a denúncia anônima aponta para “irregularidades no processo licitatório” de contratação da Salute para o fornecimento de alimentos.

Há séria suspeita de que a Salute Distribuidora de Alimentos Ltda seja apenas uma empresa de fachada, visto que até mesmo sua sede, localizado na Rua das Garças n° 372 sala 3, parece abandonada. A última conta de energia elétrica do “escritório” da Salute custou R$ 33,00 e a de água, R$ 72, valores insignificantes para uma empresa que foi presenteada com um contrato milionário da Prefeitura de Campo Grande.

Um dos sócios proprietários da Salute Distribuidora de Alimentos Ltda, Érico Chezini Barreto, chegou a argumentar que a Salute terceirizou a tarefa de armazenar e transportar alimentos para os Ceinfs. Explicou que em abril a empresa foi criada e no mês seguinte já contratou a Bornholdt, na saída para São Paulo, para realizar a distribuição dos alimentos. O galpão antigo da Bornhaldt, mal cuidado, de 1.050 metros, fica ao lado da nova rodoviária de Campo Grande, na BR-163.

O contrato da Salute de R$ 1,5 milhão com a Prefeitura de Campo Grande foi publicado no Diário Oficial de Campo Grande (Diogrande) de 27 de Junho de 2013.

 



DESDE A SUA INSCRIÇÃO COMO CANDIDATO A PREFEITO QUE VENHO ALERTANDO ATRAVÉS DAS REDES SOCIAIS E BATE-PAPOS: "ESSE CARA É DA PESADA". ELE VAI PINTAR E BORDAR NA PREFEITURA . DITO E FEITO. APENAS 04 A 05 MESES E COMEÇARAM A APARECER INDÍCIOS DE TUDO QUE É RUIM EM SUA ADMINISTRAÇÃO. ESSE É O FAMOSO "BOI MANSO", COMO DIZ O DITADO EM SUA PRÓPRIA TERRA. É SÓ FAZEREM UM RETROSPECTO EM SUA VIDA E CARREIRA E IRÃO VER QUE POR ONDE ELE PASSOU HOUVE PROBLEMAS DE ROLOS E DESMANDO COM A ADMINISTRAÇÃO. COMO DIZ UM PERSONAGEM DA NOVELA "AMOR A VIDA": SERÁ QUE SALGAMOS A SANTA CEIA"? DEUS COM CERTEZA ESTÁ DO NOSSO LADO E VAI LIMPAR A PREFEITURA DESSA ESCURIDÃO POLÍTICA (IMPREFEITO BERMAU). QUE ASSIM SEJA.
 
ronaldo amaral em 17/07/2013 11:02:23
Para os que defende o Bernal, vcs concordam em serem roubados na cara limpa? que a partir de agora, todos os administradores terão que serem cobrados mesmos. Porque a população foi as ruas? Esse cidadão em pouco tempo já deixou muitas suspeitas no ar, e acho ele mentiroso, arrogante e prepotente. Mudar por mudar dá nisso, não estou defendendo vereadores, porém uma das funções deles é de fiscalizar mesmo, caso não gostem de fulano ou sicrano, que não vote neles na próxima eleição.
 
Antonio Ferraz em 17/07/2013 10:21:44
O prefeito Bernal pode até não agradar a um pequeno grupo, mas Ele fez muita gente aparecer e trabalhar. Eu quero muito que ele cumpra seu mandato até essa gente acostumar sem o leitinho extra. Contratos milionário tiveram com o transporte coletivo; inspeção de veículos e outros, mas os mesmos que reclamam agora nunca falaram desses contratos do passado recente.
 
luiz alves em 17/07/2013 07:26:40
Não tem nada a ver com nada, é mais um item da perseguição política ao bernal. Tantos contratos no mínimo suspeitos na gestão anterior, e nesta gestão todo o passo que o prefeito dá é um motivo para cassação. Pelo amor de Deus, esse absurdo tem que acabar logo, o cara não consegue administrar a cidade!
 
Levi Carneiro em 17/07/2013 00:22:29
E o contrato da Solurb? Vão investigar também?
 
Maria Silva em 16/07/2013 20:34:16
No caso do capital ser de 50 mil acho que não tem nada a ver, voce declara o capital para que os impostos não te afundem, mas tá esquisito o caso....
 
MAXIMILIANO RODRIGO ANTONIO NAHAS em 16/07/2013 17:59:53
é a fixa ta caindo, tomara que isto logo se resolva e este bernal suma de campo grande
 
ELY MONTEIRO em 16/07/2013 17:31:40
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions