A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

21/10/2013 19:32

Para escapar de expulsão, secretária de Bernal pede afastamento do PSDB

Vinicius Squinelo

A diretora-presidente da Funesp (Fundação Municipal de Esportes), Leila Machado, formalizou o pedido de afastamento por 120 dias do PSDB, sigla que é filiada. A ação adiou a decisão do diretório municipal tucano, que julgaria a expulsão da diretora na noite de hoje (21).

Segundo informações da assessoria de imprensa do PSDB, o pedido foi realizado na tarde de hoje, e aprovado pelo diretório municipal.

Durante os 120 dias, Leila Machado tem a situação “apartidária”, e não faz parte do PSDB. Ainda durante o período, a expulsão da diretora da Funesp não será julgada.

Pela mesma situação que Leila, o secretário da Semed (Secretaria Municipal de Educação), José Chadid, foi expulso da sigla semana passada.

Estatuto – O presidente estadual do PSDB, o deputado Márcio Monteiro, afirmou que os dois secretários poderiam ser expulsos do PSDB por terem descumprido o estatuto da legenda que diz que qualquer filiado que for assumir um cargo no executivo precisa informar e consultar o partido, antes de assumir.

Chadid, da pasta de Educação, já foi excluído das fileiras tucanas.

Secretária de Bernal deve ser expulsa hoje do PSDB
A diretora-presidente da Funesp (Fundação Municipal de Esportes), Leila Machado, deve ser expulsa na noite de hoje (21) do PSDB. A decisão precisa se...
Expulso do PSDB, Chadid ainda pode recorrer ao diretório estadual
O secretário municipal de Educação da gestão de Alcides Bernal (PP), José Chadid, ainda pode recorrer ao diretório estadual do PSDB para tentar mante...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions