A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

04/11/2008 11:20

Para sobreviver, PT quer trégua entre Zeca e Delcídio

Redação

Passada as eleições, o PT tenta impedir um maior desgaste do partido. As principais lideranças, senador Delcídio do Amaral e ex-governador Zeca, disputam o controle do partido. Essa divisão resultou em derrotas políticas nas eleições deste ano.

Os quatro deputados estaduais discutiram hoje, na Assembléia Legislativa, uma trégüa no partido e demonstraram preocupação com relação a força do governador André Puccinelli (PMDB). PT e PMDB são adversários históricos em Mato Grosso do Sul, embora aliados em plano nacional.

Apesar de ser o segundo partido mais votado (perdendo para o PMDB), o PT teve derrotas eleitorais em cidades importantes como Dourados, do prefeito Laerte Tetila, e Porto Murtinho, a terra natal de Zeca.

Durante a sessão legislativa desta terça-feira, os deputados do PT debateram a necessidade de não deixar que as divergências entre Zeca e Delcídio prejudiquem mais o partido.

O presidente regional do PT, deputado Amarildo Cruz, afirma que um acordo entre as duas lideranças está próximo. Ele acredita que o partido deve permanecer unido até 2010 para poder lançar um candidato à sucessão do governador André Puccinelli, caso a verticalização permita.

Interrogatório de Lula na Operação Zelotes é marcado para fevereiro de 2018
A Justiça Federal em Brasília marcou para o dia 20 de fevereiro de 2018 os interrogatórios do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e de seu filho ...
Senado aprova desconto de dívidas de produtores rurais e texto segue para sanção
O Senado concluiu a votação, nesta quinta-feira (14), do projeto que permite a renegociação das dívidas de produtores rurais, estabelecendo descontos...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions