A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

09/08/2013 14:28

PSDB pode expulsar assessores de Bernal que chefiam Semed e Funesp

Zemil Rocha
Chadid nem sequer foi à reunião convocada pelo PSDB (Foto: Arquivo)Chadid nem sequer foi à reunião convocada pelo PSDB (Foto: Arquivo)

A Comissão de Ética do PSDB de Campo Grande poderá adotar pena de expulsão dos secretários municipais tucanos que integram a administração do prefeito Alcides Bernal (PP). O PSDB se considera desprezado por Bernal e não vê sentido em filiados continuarem auxiliando Bernal, como é o caso do secretário de Educação (Semed), José Chadid, e da presidente da Fundação Municipal de Esporte (Funesp), Leila Machado.

O primeiro passo foi dar oportunidade de Chadid e Leila se explicarem perante a Executiva Municipal do PSDB. “Nessa reunião, só a Leila compareceu, nós a ouvimos e resolvemos encaminhar o caso ao Conselho de Ética do partido”, informou Carlos Alberto Miranda, vice-presidente do diretório tucano da Capital.

Dentre as punições possíveis, o Conselho de Ética do PSDB pode decidir desde a advertência, no caso de comportamentos indesejados considerados de menor gravidade, até a expulsão, em casos considerados graves. “Todo conselho de ética partidário pode decidir por advertência verbal, por escrito ou até mesmo a expulsão”, explicou o deputado estadual Rinaldo Modesto (PSDB).

Indagado se a infração de Chadid e Leila estaria mais para grave do que leve, Rinaldo respondeu: “Não sei qual o grau, o Conselho de Ética é que vai dar definição e ele tem autonomia”.

PSDB desprezado – O PSDB apoiou Alcides Bernal no segundo turno da eleição para a Prefeitura de Campo Grande e tinha a expectativa de indicar membros para ajudar na administração municipal. Bernal, contudo, não ofereceu cargos ao PSDB, tendo optado por fazer escolhas pessoais de Chadid e Leila. Por isso, o partido considera que Bernal o desprezou e não merece, por isso, apoio de nenhum dos seus membros.

“Hoje não existe relação do PSDB com o Bernal. Lamentavelmente, ele procurou o isolamento”, afirmou o deputado Rinaldo Modesto. “O problema começou já nas nomeações. Faltou conversa antes dessas nomeações. Ficamos sabendo pela imprensa. O prefeito não teve nem humildade de comunicar ao partido”, disse.

 

Deve pesar muito na decisão do PSDB sobre Chadid e Leila o fato de o prefeito Alcides Bernal estar muito desgastado politicamente e enfrentar sério risco de cassação, em razão de irregularidades apontadas pela Câmara de Campo Grande, Ministério Público do Estado e Tribunal de Contas.

 

 



Bem feito aqueles que votaram no Bernal, achando que ia mudar campo grande, mas até agora só piorou, nada foi feito até o momento, só falatórios, cade as promessas de campanhas, enganou PSDB, PT, e até os evangélicos acreditaram nas suas promessas, caíram de gaiato na conversa de malandro, mas graças a Deus que nós aqui em casa não demos ouvidos a esses do PP, e votamos no Giroto, esse sim, trabalha olha o que vem fazendo pelo estado como secretário do estados, as obras de novas Rodovias que viram para melhorar ainda mais nosso estado, quero em público parabenizar o Deputado federal Édson Giroto pelo excelente trabalho frente a secretaria de obras, isso serve de exemplos para nossa população, nas próximas eleições de 2014, observem bem o candidato, e cuidado com promessas falsas.
 
LOURIVAL APARECIDO DO CARMO em 10/08/2013 14:49:50
O que estamos sofrendo hoje com o prefeito, grande parte é porque a maioria dos eleitores que votaram no PSDB acabaram decidindo pelo PP. Durante a campanha estava certo que o PSDB teria carta branca, mas o PP jogou sujo, muito sujo, e agora estamos sofrendo as consequências. Enquanto comandava a SEMED o PSDB dava conta do recado muito bem caro Andre Souza, tanto que o PMDB não trocou ninguém, até porque foi a melhor gestão para a EDUCAÇÃO. Portanto se a população hoje esta sofrendo com administração atual é por culpa inteirinha do Prefeito que foi desleal. Se o PSDB tivesse carta branca para auxiliá-lo, jamais estaríamos vivendo tal situação.
 
Renata Silva em 09/08/2013 19:34:11
Quem tomava conta da SEMED todos esses anos, não era o PSDB? contra Fatos não a argumentos, procurem ir em algumas escolas do Município e ver o estado que elas se encontram, vazamentos, inundação, infiltração toda estão pedindo socorro, e eles querem administrar a secretaria... poupe os contribuintes! é isso ai Bernal, não da mole não!
 
Andre Souza em 09/08/2013 17:24:14
Políticos não deveriam comandar a educação e muito menos cultura. Saúde nem se fala.
 
Tereza Cunha em 09/08/2013 16:15:38
O PSDB tá certo! o Bernal conta com o partido como sendo da base, mas ele que é centralizador quer ditar as regras. Não dá pra assumir uma responsabilidade sem autonomia.
 
Vânia Lopes em 09/08/2013 15:28:33
Seria bom mesmo, já que nem aparecem,... parecem que nem trabalham... ou nem trabalham... chega de sombra para não fazerem NADA. RUA!!!
 
Eduardo Semir em 09/08/2013 14:43:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions