A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Agosto de 2017

13/05/2016 17:24

Rito do impeachment deve ser definido na próxima semana, diz senador

Michel Faustino
Senador Raimundo Lira (PMDB-PB) deve se reunir com o presidente do Senado e do STF na próxima terça-feira. (Foto: Agência Brasil)Senador Raimundo Lira (PMDB-PB) deve se reunir com o presidente do Senado e do STF na próxima terça-feira. (Foto: Agência Brasil)

O presidente da Comissão Especial do Impeachment no Senado, Raimundo Lira (PMDB-PB), informou nesta sexta-feira (13) que o rito da comissão que analisará, agora, o mérito das denúncias contra a presidente Dilma Rousseff deve ser definido na terça-feira (17). Na ocasião, Lira deve se reunir com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) e com o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Ricardo Lewandowski, para definir sobre o andamento do processo.

Em entrevista por telefone ao Campo Grande News, o presidente da comissão afirmou que a expectativa é de que o processo dure menos de 180 dias, entretanto, existe uma preocupação para garantir um julgamento 'justo'.

“Esse prazo total (180 dias) criaria uma expectativa muito grande e não é bom para o País. Encurtar o prazo não é bom porque precisamos dar o amplo direito de defesa a quem está defendendo a presidenta da República”, disse.

O peemedebista reiterou a isenção e constitucionalidade do processo que considerou o parecer do relator Antonio Anastasia (PSBD-MG), que deliberou pelo afastamento de Dilma.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions