ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 20º

Política

Vereador ligado à prefeita diz que mudança no secretariado será radical

Sandro Benites diz que mudanças devem acontecer ainda neste mês e que apenas um secretário fica

Lucas Mamédio e Caroline Maldonado | 06/10/2022 10:44
Sandro Benites diz que mudanças vão atingir assessores comisisonados também (Foto: Carolina Madonado)
Sandro Benites diz que mudanças vão atingir assessores comisisonados também (Foto: Carolina Madonado)

O vereador Sandro Benites (Patriota), vice-líder da prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes, na Câmara Municipal, afirmou acreditar em uma mudança ampla nos secretários municipais da Capital ainda este mês e que deve restar apenas um secretário, Max Freitas, da Sectur (Secretaria de Cultura e Turismo). Isso porque Max teria se empenhado na campanha à reeleição do deputado estadual Lídio Lopes (Patriota), marido de Adriane.

“Eu acredito que, naturalmente, a prefeita deve fazer uma reestruturação. Até o dia 31 deste mês vai estar quase todos os secretários alterados”, disse Sandro ao Campo Grande News.

Sandro também disse que as mudanças no secretariado vão refletir na quantidade de comissionados de cada secretaria.

Os rumores sobre as mudanças no alto escalão do Paço Municipal começaram a se intensificar após a saída do ex-secretário de Governo e presidente municipal do PSD, Antônio Carlos Lacerda, e seu adjunto, Robison Gatti Vargas, principais articuladores políticos do ex-prefeito, Marquinhos Trad (PSD), derrotado nas eleições de domingo (2).

A substituição na Segov foi, inclusive, debatida na sessão desta quinta-feira (6). O líder da prefeita na Casa, vereador Beto Avelar (PSD), disse que seu nome tem sido aventado para assumir a pasta, mas que não vai tomar nenhuma decisão sem conversar com a prefeita. “Falaram até meu nome para Segov, mas se eu for chamado, vou decidir conversando com a prefeita”.

Mudança na Sesau – A mudança que parece mais latente é na Sesau (Secretaria Municipal de Saúde). O principal nome aventado até o momento é do vereador Victor Rocha (PP). Ele, no entanto, afirmou ao Campo Grande News que ainda não conversou com a prefeita para tratar diretamente da possibilidade de assumir a Sesau, mas que se for da vontade dela está à disposição para comandar a secretária.

Tenho um bom relacionamento com a prefeita e tive apoio dos vereadores e de setores ligados a saúde para assumir a secretaria. Essa questão quem define é o Executivo, ela é que tem a caneta. Tenho experiência e se tiver o convite não tenho problemas para assumir, mas desde que eu tenha autonomia para fechar a a torneira de perda de recursos”, avaliou Victor Rocha.

Victor tem o apoio de alguns vereadores, que aprovaram um documento pedindo a substituição na Sesau e indicando o nome dele como substituto.

Nos siga no Google Notícias