A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

05/05/2016 12:18

Vídeo mostra momento de confusão durante sessão na Câmara Municipal

Briga que começou com bate boca terminou com uma pessoa ferida

Mayara Bueno
Homem é ferido durante briga na Câmara Municipal, nesta quinta-feira (5).Homem é ferido durante briga na Câmara Municipal, nesta quinta-feira (5).

Imagens registradas na Câmara Municipal mostram confusão que resultou em agressões físicas nesta quinta-feira (5). Grupos a favor e contra o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), protestavam sobre assuntos diferentes, mas acabaram divergindo e a briga começou.

Nas imagens, é possível visualizar o momento em que um homem, que seria ligado ao grupo apoiador de Bernal, é agredido. Assessores disseram que o jornalista Élcio Pinheiro teria atingido o homem com um murro. O profissional, no entanto, alega que também foi agredido e vai registrar o caso na delegacia.

No momento da confusão, várias pessoas precisaram intervir e separar a briga. Assessores ligados ao prefeito disseram que a vítima precisou ser encaminhada a uma instituição de saúde pelo Samu (Serviço Móvel de Urgência).

Entenda a confusão – Um grupo de pelo menos 50 pessoas foi à Câmara, nesta manhã, recolher assinaturas para uma representação contra o vereador Roberto Durães (PSC), que disse, na terça-feira (3), conhecia “muito bem, no silêncio dos edredons” a mãe de 87 anos do prefeito. A declaração soou como pejorativa e o grupo entendeu que houve quebra de decoro parlamentar.

A representação, que precisa da assinatura dos vereadores, pede a cassação do mandato de Durães. O parlamentar só conseguiu uma cadeira no Legislativo Municipal porque era suplente de Thais Helena, que teve o mandato cassado por compra de votos no ano passado.

Já o outro grupo, em maior número, reivindicava o reajuste salarial do município. O projeto de aumento de 2,57% tramita na Câmara e os funcionários públicos foram mais uma vez protestar contra o prefeito.

Confusão – A briga começou, segundo funcionários da casa de leis e assessores, quando o jornalista fazia uma transmissão ao vivo. Uma mulher, ligado ao prefeito, não gostou de uma certa declaração e teria dado uma ‘bolsada’ no profissional, que revidou com um empurrão. O homem que aparece no vídeo sendo agredido interferiu na situação dizendo que o jornalista estava batendo em mulher, momento que as agressões físicas começaram.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions