A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

18/05/2011 17:35

Prefeito de Ladário defende secretários presos por operação da PF

Marta Ferreira
José Antônio Assad Faria (de amarelo) defendeu inocência de secretários nesta tarde. (Foto: Capital do Pantanal)José Antônio Assad Faria (de amarelo) defendeu inocência de secretários nesta tarde. (Foto: Capital do Pantanal)

O prefeito de Ladário, José Antônio Assad e Faria (PT), disse nesta tarde, durante entrevista coletiva, que vai manter nos cargos os secretários investigados pela Operação Questor, da Polícia Federal, que apura irregularidades na administração da cidade.

“Para mim eles são inocentes, mas, se forem condenados ainda não tenho o plano B, continuo acreditando que não precisarei tomar outras providências”, declarou o prefeito.

Estão presos temporariamente os secretários de Finanças, Name Antônio Faria de Carvalho, de Educação, Eliene Urquiza, e ainda a Advogada Geral do Município, Candelária Lemos, o funcionário do setor de licitações Márcio José Pimenta, o contador Samuel Molina e a funcionária do Núcleo de Projetos da Prefeitura, Maria Helena Silva.

“Não é justo que apenas com indícios os funcionários tenham a reputação atingida, pois não tiveram espaço para se defender”, afirmou o prefeito durante a entrevista. “Os secretários envolvidos foram escolhidos entre pessoas de bem, idôneas e sempre foram transparentes e honestos. Acredito que eles sejam inocentes nas acusações, julgar sem provas é desrespeitar a justiça”, completou. Ele classificou os assessores como pessoas “competentes e que nunca deixaram a desejar.

O prefeito disse que não falou antes porque não queria interferir nos depoimentos ouvidos pela PF e procurou se informar melhor do inquérito para depois se pronunciar.

Provação José Antônio não figura como investigado. Ele classificou a situação como uma prova que sua administração, iniciada em 2009, está passando. “Acredito que sairemos mais fortes, sempre prestamos conta a sociedade e continuaremos assim.

(Colaboraram Dina Karla Miranda e Willa Ferreira, do Capital do Pantanal)

De acordo com o MPF (Ministério Público Federal), as investigações iniciaram a partir de suspeitas de irregularidades na aplicação de recursos federais destinados à merenda dos estudantes da rede municipal de Ladário.

Em seguida, foi instaurado inquérito policial para investigação dos crimes de corrupção, fraudes em licitações, falsificação de documentos públicos e formação de quadrilha.

Na segunda-feira, foi deflagrada a operação para apreensão de documentos e prisão dos envolvidos. A prisão temporária vale por 5 dias.



E como eles vão continuar trabalhando na cadeia, só falta o prefeito disponibilizar um celular e um computador pra cada um.
 
João Renato em 19/05/2011 10:20:00
Aí todo mundo é santo, solta o povo. KKKKKKKK
 
fabiano frança em 19/05/2011 02:22:50
Se restar comprovado que seus funcionários são culpados, de duas uma: o PREFEITO ou é INCOMPETENTE ou é CORRUPTO também.
 
Gilberto Ramos em 19/05/2011 02:20:06
No Brasil acontece mesmo coisas assim. CGU, Polícia Federal e outros Órgãos descobrem irregularidades e os "suspeitos" são inocentes, são competentes e não deixam nada a desejar. São pessoas de bem e foram escolhidos a dedo dentre as pessoas honestas do município. É de lastimar fatos dessa natureza ocorrerem com a frequência que tem acontecido no país. Será que a Polícia Federal criou toda essa situação para desqualificar o trabalho do senhor prefeito? Será que a CGU é tão incompetente no trabalho que desenvolve para apontar irregularidades que não existem. Penso que o prefeito perdeu uma grande oportunidade, que era de ficar calado. Suas declarações respingam sobre a própria imagem.
 
jonas bilder em 18/05/2011 11:02:01
Adriana voce fala como uma oposição bem esfaimado, quando esta fora do poder. Espere a justiça que levou um ano para investigar dar solução ao caso para voce tirar suas conclusão. Voce não deve ser tão pura a ponto de querer antecipar as conclusão, pois se realmente fosse teria a sabedoria de compreender que seu povo ladarense a décadas passadas sofreram nas mãos de politiqueiro que fizeram muito pouco por sua cidade, e apenas dando de presente ao povo ladarense belas residencia a si próprio. Confira isso!!!! Cuidado isso que está acontencendo pode ter o dedo de alguns dele tentando voltar. Experiência nesta atitude eles tem bastante. Valeu. Tô de Zoio.
 
Luiz Carlos em 18/05/2011 09:22:53
Vamos refletir pessoal. A fala do Sr. Prefeito de Ladário configura uma afronta aos poderes estabelecidos. Uma vez que ele usa a expressão "indícios" de crime de forma a banalizar a atuação dos poderes constituídos. Penso que numa sociedade instruída e não alienada (coisa que não é objetivo desta administração) tem tratado o povo a "Pão e Circo" e com isso tem uma população "ordeira e controlada". Indícios? O mínimo que o senhor deveria fazer é afastar os suspeitos até o fim das investigações. O que pensar de tudo isto?
 
Ronny Moraes em 18/05/2011 09:07:38
parabens mais uma vez para a p.f. pois e a unica que pode mecher com esses prefeitos mergulhados na corrupçao. espero que agora vao para o municipio de corguinho, pois la o ano passado, a cgu, tambem encontrou vasta irregularidades e muito desvio de verbas federais, e esperar pra ver!!!
 
sergio martins em 18/05/2011 07:29:32
Se tudo o que esse grupo fazia não era do conhecimento do senhor prefeito, então ele é incompetente para nomear e administrar. Se ele sabia, passa a ser conivente comos atos praticados. Difícil acreditar que alguém desconheça o que fazem seus subordinados diretos, com quem ele convive diariamente há mais de 1 ano! Essa foi para acabar com o pouco de autoestima que o povo ladarense ainda tinha.
 
Adriana R. Ribeiro em 18/05/2011 06:32:34
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions