A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

30/10/2013 16:09

Com preço bom, soja avança sobre áreas de pastagens e do milho

Edivaldo Bitencourt

Com preço bom, a soja deve avançar sobre as áreas de pastagens degradadas e ganhar espaço do milho, com a cotação em baixa, em Mato Grosso do Sul. A constatação é do prognóstico para a safra 2013/2014, divulgada hoje pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

O Grupo de Coordenação de Estatísticas Agropecuárias (GCEA/MS) prevê crescimento de 6,79% na área plantada de soja, o que significa um acréscimo de 134,7 mil hectares na próxima safra. A produção será de 6,690 milhões de toneladas da oleaginosa.

O maior produtor no Estado será o município de Maracaju, com 230 mil hectares, com 759 mil toneladas. Os maiores produtores de soja em MS são Ponta Porã (175 mil ha), Sidrolândia (162 mil ha), Dourados (150 mil ha), São Gabriel do Oeste (120 mil ha), Rio Brilhante (105 mil ha) e Aral Moreira (100 mil ha).

De acordo com o grupo, o crescimento da soja reflete a queda de 35,6% na área plantada do milho primeira safra, que está com preço menor no mercado brasileiro em decorrência da super safra passada.

A soja também avançou sobre áreas de pastagens que estavam degradadas e ganharam maior valor agregado. A oleaginosa está em vantagem por causa da boa cotação no mercado local, com a saca de 60 quilos cotada entre R$ 67 e R$ 69. 

Plantio da soja se aproxima dos 70% em MS
O plantio da soja na safra verão 2013/14 em Mato Grosso do Sul atingiu o percentual de 67,1% do total da área destinada ao cultivo da oleaginosa, o e...
MPF cobra adoção de monitoramento eletrônico de aeronaves agrícolas
O MPF (Ministério Público Federal) recomendou à Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) que apresente, no prazo de 60 dias, um cronograma de ações p...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions