A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019

27/09/2019 08:59

O incentivo à doação de órgãos

Por Iran Coelho das Neves (*)

Celebrado a 27 de setembro, o Dia Nacional da Doação de Órgãos e Tecidos foi instituído com o objetivo de conscientizar a população sobre o significado humano da decisão de se tornar doador.

Como muitas vezes o transplante é a única esperança do paciente continuar vivo, ou a possibilidade, também única, de que o órgão doado devolva ao receptor a qualidade de vida almejada por todo ser humano, o Ministério da Saúde, governos estaduais e organizações como a Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO) valorizam esta data para campanhas de esclarecimento e motivação que aumentem o número de doadores.

Através do Sistema Único de Saúde (SUS), o Brasil mantém o maior programa público de transplantes do mundo, responsável por 87% desses procedimentos no país.

Entretanto, para manter esse louvável desempenho em setor tão crucial para milhares de pacientes, a expansão do número de doadores de órgãos é fundamental.

Para se tornar um doador é decisivo que a pessoa comunique esse desejo a seus familiares, pois em muitos casos, por convicções de cunho religioso ou por tradição de respeito à absoluta integridade do corpo, parentes se recusam a doar órgãos que salvariam outras vidas.

Segundo a ABTO, em agosto de 2018 o Brasil tinha 32.716 pacientes na lista de espera por um transplante de rim, fígado, coração, pulmão, pâncreas ou córnea.

Essa realidade aponta para a necessidade de que o incentivo à doação de órgãos seja articulado como política pública que envolva instituições governamentais, em todos os níveis de poder, organizações sociais e entidades corporativas, no sentido de que voluntários previamente capacitados motivem potenciais doadores em seus próprios locais de trabalho.

Neste sentido, o Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul (TCE-MS) se dispõe a contribuir com os poderes Executivo e Legislativo do estado e dos municípios, capitalizando sua intensa relação institucional com os entes jurisdicionados como instrumento agregador em torno de uma política pública consistente sobre a doação de órgãos.

A propósito, o TCE-MS promoveu, no último dia 10, palestra sobre a importância da doação de órgãos, quando mitos e verdades sobre o tema foram abordados por especialistas como Claire Carmen Miozzo, coordenadora da Central Estadual de Transplantes há 18 anos.

Mato Grosso do Sul está apto a realizar transplantes de córnea, rim, tecido muscular esquelético e, em breve, de coração, segundo autoridades da área. O que só reforça a necessidade de ampliação do universo de doadores.

É evidente que em nosso estado o desafio logístico para o transporte de órgãos – especialmente de coração e pulmão – e os poucos hospitais credenciados para realizar transplantes ainda representam sérios entraves.

Porém, nada disso deve inibir a mobilização de instituições públicas e sociedade em geral, pela expansão do número de doadores de órgãos em Mato Grosso do Sul.

Neste momento milhares de pessoas têm no transplante a única esperança de salvar suas vidas. Não pode haver maior motivação que esta para a construção de uma política pública de incentivo à doação de órgãos.

(*) Iran Coelho das Neves é presidente do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul.

Antônio Baiano – Um Gigante
Roseli Marla, minha cunhada querida, neste momento de profunda tristeza que todos estamos vivendo com a morte prematura do nosso querido Antônio Baia...
Projeto de lei pretende punir quem ocultar bens no divórcio
Quem milita na área do Direito de Família está, infelizmente, mais do que acostumado a se deparar com inúmeros expedientes para fraudar o direito à m...
Internet, Vínculos e Felicidade
A cada dia estamos passando mais tempo em celulares e computadores. Tanto que muitas vezes, quando maratonamos seriados, até a televisão pergunta: "t...
Origem espiritual da Profecia
Em minha obra Os mortos não morrem, transcrevo estudos abalizados e relatos interessantíssimos sobre a realidade da vida após o fenômeno chamado mort...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions