A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

26/05/2018 08:23

Aeroporto recebe combustível e tem registro de 2 voos cancelados

Carreta com o produto específico para aviação foi escoltada pela PRF até a Capital na noite de ontem

Danielle Valentim
Voos cancelados por volta das 4h tinham como destino a cidade de São Paulo. (Foto: Reprodução/Infraero)Voos cancelados por volta das 4h tinham como destino a cidade de São Paulo. (Foto: Reprodução/Infraero)

Entre às 0h e 8h deste sábado (26) dois voos foram cancelados no Aeroporto Internacional de Campo Grande, mas a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) não esclarece se está ligado ao desabastecimento de combustível. Ainda, ontem (25), a PRF (Polícia Rodoviária Federal) escoltou uma carreta com combustível de aviação para atender demandas da Base Aérea e aeroporto da Capital.

Os voos cancelados por volta das 4h tinham como destino a cidade de São Paulo, mas os motivos não foram informados na situação de voos online, divulgadas pela Infraero. Nesta manhã, o aeroporto opera normalmente, sem atrasos ou cancelamentos.

A carreta de combustível de aviação foi retirada da paralisação em Três Lagoas/MS após negociação com os manifestantes, sendo escoltada até à Base Aérea de Campo Grande.

O combustível será utilizado em parte para as aeronaves que atuam em situação de emergência, além de suprir alguma demanda do aeroporto Internacional de Campo Grande em voos regulares.

A escolta da carreta saiu de Três Lagoas às 21h30 de ontem (25) e foi entregue à 1h30 da madrugada desta sábado (26) na Base Aérea de Campo Grande.

Existem várias solicitações de escolta que a PRF deve atender durante a paralisação dos caminhoneiros, que chegou ao 6º dia. O protesto causa desabastecimento em todo o país, devido ao bloqueios em rodovias.

Em Mato Grosso do Sul, 74 pontos permanecem bloqueados, segundo informações da PRF e CCR MS Via, concessionário responsável pela BR-163.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions