A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

30/05/2016 11:38

Agentes e presos de complexo penal da Capital serão imunizados contra gripe

Sindicato alerta para risco de grande transmissão se doença "entrar" no presídio

Leandro Abreu e Fernanda Mathias
Imunização na Máxima ocorrerá nos dias 3 e 4 de junho. (Foto: Marcos Ermínio)Imunização na Máxima ocorrerá nos dias 3 e 4 de junho. (Foto: Marcos Ermínio)

O complexo penal de Campo Grande deve começar a ter os servidores e detentos vacinados contra a gripe no fim desta semana. Com vários casos confirmados, inclusive de óbitos, do lado de fora, o sindicato que representa os agentes penitenciários se preocupa com a situação, pois a transmissão de doenças dentro do presídio “ganha força” por ser um local fechado e de grande aglomeração.

De acordo com a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), não há nenhum caso confirmado ou de suspeita de gripe A dentro dos presídios em Mato Grosso do Sul. O Estabelecimento Penal de Segurança Máxima Jair Ferreira de Carvalho, onde 11 plantonistas trabalham e cerca de 2,4 mil detentos estão presos, terá a imunização dos detentos e agentes penitenciários nos dias 3 e 4 de junho. Já o presídio de Trânsito e o Centro de Triagem da Capital terão a vacinação nos dias 6 e 7 de junho.

Já no Estabelecimento Penal Feminino “Irmã Irma Zorzi”, das 250 presas, 140 serão vacinadas nesta terça-feira (31). O trabalho de imunização é feito pela própria equipe de farmácia da Agepen. Por enquanto, não há previsão de suspensão das visitas para os detentos.

Conforme o presidente do Sinsap (Sindicato dos Servidores da Administração Penitenciária), André Santiago, o sindicato cobra constantemente da Agepen a imunização tanto dos servidores, quanto dos detentos. “Fiz uma reunião para exigir essa imunização dos agentes e detentos pela insalubridade do trabalho. Se um caso de gripe ocorrer lá dentro, o risco de se alastrar é enorme”, afirma lembrando que nos casos mais críticos como em Naviraí, a imunização já ocorreu.

Ainda segundo a Agepen, de acordo com que a Prefeitura de Campo Grande vai disponibilizando as vacinas, a imunização é realizada. Na última semana, a administração municipal afirmou ainda ter 8 mil doses que serão destinadas ao sistema penitenciário.

Aumento de gripe A altera rotina de sul-mato-grossense, aponta enquete
A enquete da semana passada perguntou ao leitor do Campo Grande News se o aumento no número de casos de gripe A mudou a rotina dos sul-mato-grossense...
Santa Casa tem 21 pacientes aguardando resultado de exame para gripe
A Santa Casa de Campo Grande tem nesta segunda-feira cinco pacientes com gripe causada pelo vírus H1N1 internados em isolamento e outros 21 que aguar...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions