A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

24/05/2016 17:56

Aluna com suspeita de gripe A obriga Prefeitura a suspender aula em escola

Antonio Marques e Leandro Abreu
Na frente da Escola Municipal Consulesa Margarida Maksoud Trad, foi fixado um aviso da suspensão das aulas (Foto: Fernando Antunes)Na frente da Escola Municipal Consulesa Margarida Maksoud Trad, foi fixado um aviso da suspensão das aulas (Foto: Fernando Antunes)
Prefeitura convoca coletiva para informar sobre o caso da primeira aluna com suspeita de H1N1 na Reme. Aulas foram suspensas nesta quarta-feira (Foto: Fernando Antunes)Prefeitura convoca coletiva para informar sobre o caso da primeira aluna com suspeita de H1N1 na Reme. Aulas foram suspensas nesta quarta-feira (Foto: Fernando Antunes)

Após notificar a primeira criança na Reme (Rede Municipal de Ensino) com sintomas da gripe A (H1N1 – vírus Influenza), a Semed (Secretaria Municipal de Educação) decidiu antecipar o feriado e suspender as aulas, nesta quarta-feira, na Escola Municipal Consulesa Margarida Maksoud Trad, no Bairro Estrela Dalva.

Uma garotinha de oito anos, do segundo ano do ensino fundamental, está internada em estado grave desde o último domingo, 22, no CTI (Centro de Tratamento Intensivo) da Santa Casa. Até o final da tarde de amanhã deve sair o resultado do exame que vai confirmar ou não a contaminação pelo vírus Influenza.

As informações foram divulgadas na tarde desta terça-feira, 24, durante uma entrevista coletiva no plenarinho do Gabinete do Prefeito Alcides Bernal. Conforme com a secretária municipal de educação, Leila Machado, a menina teria sentido os sintomas de gripe na sexta-feira, 20, e não foi a aula. Os pais a levaram a menina à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Coronel Antonino, onde a garota foi medicada e liberada.

No entanto, conforme Leila Machado, no domingo os sintomas da gripe se agravaram e os pais retornaram à UPA Coronel Antonino com a criança. A equipe médica reavalioiu a menina e constatou a suspeita da gripe H1N1. Diante da gravidade do caso, no domingo mesmo, ela foi transferida para a Santa Casa de Campo Grande, onde foi internada no CTI.

Como prevenção, a secretária decidiu suspender as aulas para os cerca de 1.500 alunos da escola municipal a partir desta quarta-feira. Na próxima segunda-feira, 30, retomam as atividades normais, inclusive para os 30 colegas de sala da garota.

Conforme a secretária, as aulas foram suspensas por conta de informações de que outras crianças e professores estariam gripados. “Como a criança ao sentir os sintoma não foi mais à aula, o risco de contaminação foi menor”, observou Leila Machado.

No entanto, seguindo o protocolo do Ministério da Saúde, os pais e o irmão, de 6 anos, da garota estão tomando o medicamento Tamiflu.

De acordo com a assessoria da prefeitura, a criança está em estado grave, porém o quadro é estável e ela recebe toda a assistência necessária que o caso requer.

Leila Machado aproveitou para informar que há um bom tempo a Secretaria tem feito ações de prevenção à gripe H1N1, com palestras aos professores. Ela avaliou que é muito cedo para suspender as aulas na Reme no momento.

Em Campo Grande já são 34 casos de gripe A confirmados e 154 notificados. Quatro pessoas morreram vítimas da doença, sendo um professor de filosofia da Escola Estadual Amélio de Carvalho Baís, no Bairro Coophatrabalho, no último dia 17. O professor Edevaldo Souza Prado tinha 57 anos e morreu depois de ficar dois dias internado na Santa Casa.

Paciente com H1N1 internado em UPA há 3 dias aguarda vaga em hospital
Um homem de 54 anos, segundo a família diagnosticado com a Influenza A H1N1, segue internado desde sexta-feira (20) na UPA (Unidade de Pronto Atendim...
Em rede social, prefeito anuncia interdição de creche por causa do H1N1
O prefeito de Rio Brilhante, Sidney Foroni (PMDB), anunciou na noite desta terça-feira (17), em seu perfil na rede social Facebook, o interdição de u...


Não é antecipar o feriado, o correto é vacinar todos da escola. Vai ter que esperar morrer quantas pessoas para poder fazer alguma coisa. Já foi comprovado que não é só o grupo de risco que esta ameaçado com esse vírus, mas sim todos !!!!
Porque eu tenho certeza que essas pessoas que tomam as decisões sobre as vacinas já estão vacinados.
 
erick douglas do prado almeida em 24/05/2016 18:17:39
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions