A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Maio de 2018

11/06/2011 10:48

Cemitério Santo Amaro continua sem muro e familiares temem vandalismo

Paula Vitorino
Técnico preocupa-se com vandalismos no cemitério. Técnico preocupa-se com vandalismos no cemitério.
Cemitério continua sem muro, mas calçada foi limpa. (Foto: Pedro Peralta)Cemitério continua sem muro, mas calçada foi limpa. (Foto: Pedro Peralta)

Três dias após a chuva derrubar duas partes do muro, o cemitério Santo Amaro continua com os buracos na lateral da Rua Fernando de Noronha. Apenas os tijolos foram retirados da calçada, deixando livre a passagem dos pedestres.

Familiares que foram até o local nesta manhã afirmaram estar preocupados com a exposição maior dos túmulos. “Se fechado já é perigoso e pessoas entram aqui dentro para fazer coisa ruim com os túmulos, imagina sem muro”, conclui a dona de casa Teresa Ferreira, de 68 anos.

Já o pintor Aurélio Farias do Nascimento, de 53 anos, preocupa-se também que o local sirva de esconderijo para ladrões.

“É perigoso. Pode esconder muita gente malvada”, diz. Ele tem o pai, a mãe e a sobrinha sepultados no local. O técnico Derci Ferreira, de 45 anos, que mora no Jardim Imá, fez questão de passar hoje pela manhã na via para verificar a situação do cemitério.

“Vim só para ver se já tinham tampado, feito alguma coisa aqui. Com o muro aberto qualquer um pode entrar e fazer alguma coisa com os túmulos”, diz.

Ele ressalta que “não tem nada para roubar aqui, mas para quem tem uma pessoa querida sepultada é um desrespeito entrar alguém”.

Ao lado do muro caído, vários frangos e galinha mortos foram deixados em um túmulo. “Olha aí o que já estão fazendo. Pelo visto foi feito nesta madrugada, é um desrespeito”, afirma.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions