A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 20 de Setembro de 2017

10/08/2017 12:36

Empresas desistem de adotar praça Ary Coelho e do Rádio para revitalização

Prefeitura de Campo Grande, não divulgou a justificava das desistências; Programa tem por objetivo ajudar a administração municipal na manutenção de áreas públicas

Yarima Mecchi
Entrada da praça Ary Coelho. (Foto: Marcos Ermínio)Entrada da praça Ary Coelho. (Foto: Marcos Ermínio)

As empresas que estavam interessadas em adotar as praças Ary Coelho e do Rádio Clube e revitalizar os locais desistiram do Propam (Programa de Parceria Municipal), segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura de Campo Grande. O programa tem por objetivo ajudar a administração municipal na manutenção de áreas públicas por meio de convênio com a iniciativa privada.

Segundo a prefeitura, as empresas interessadas na adoção das duas praças desistiram da adoção através da Planurb (Agência Municipal de Meio Ambiente e Planejamento Urbano).

A administração municipal já tinha anunciado anteriormente que duas empresas estavam 'brigando' para conseguir adotar a praça Ary Coelho. A assessoria de imprensa da Prefeitura de Campo Grande, não divulgou a justificava das desistências.


De acordo com a assessoria, o critério de escolha é estalecido junto com as empresas interessadas e a Planurb, podendo haver dois adotantes de um mesmo espaço.


Propam - Ao todo em Campo Grande tem 101 locais adotados por empresas privadas, são 72 instituições que cuidam de locais como praças, canteiro, rotatórias, área verde. De acordo com a prefeitura, em 2015 eram ​68​ áreas adotadas, em 2016 aumentou para 97 áreas e em ​2017 o dado passou para 101 áreas adotadas, e 13 áreas em tramitação.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions