A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

13/07/2016 19:05

Erosão em via de acesso a shopping segue há quatro meses sem solução

Acesso está bloqueado desde então; prefeitura diz que reparo é complexo e há pendência com empreiteira contratada pelo shopping

Chloé Pinheiro
Estragos da chuva fecham acesso a shopping desde fevereiro (Foto: Alcides Neto)Estragos da chuva fecham acesso a shopping desde fevereiro (Foto: Alcides Neto)
O shopping, ao fundo, e os estragos na rua; obra complexa, segundo a Prefeitura (Foto: Alcides Neto)O shopping, ao fundo, e os estragos na rua; obra complexa, segundo a Prefeitura (Foto: Alcides Neto)

As saídas fechadas dos fundos do estacionamento do Shopping Bosque dos Ipês denunciam: faz tempo que ninguém passa por ali. É que, desde fevereiro, quando o Campo Grande News denunciou pela primeira vez a grande erosão na rua que liga a Avenida Cônsul Assaf Trad e o anel rodoviário, o buraco permanece lá. Pior: aumentou de tamanho e, hoje, mais da metade da via está interditada.

A equipe de reportagem voltou ao local, nesta quarta-feira (13), e constatou o avanço da erosão. São pelo menos 20 metros de estragos na lateral da pista, com alguns buracos que pipocam no meio do asfalto.

 

Canos e tubulações estão expostos ou danificados (Foto: Alcides Neto)Canos e tubulações estão expostos ou danificados (Foto: Alcides Neto)

Nesses, há até lixo guardado dentro. Os canos e tubulações que ali passam estão expostos, quando não danificados. A tubulação de água, por exemplo, permanece no lugar graças a estruturas de madeira improvisadas.

O bloqueio feito na região para impedir o trânsito começa já na rotatória no anel rodoviário e se estende por mais de trezentos metros, mas alguns ciclistas seguem utilizando o caminho.

A Prefeitura de Campo Grande afirmou que o local pertencia ao Shopping Bosque dos Ipês, que construiu e pavimentou o trecho. Mais tarde, a construção foi doada para a própria Prefeitura, mas a responsabilidade pela obra ainda é da empreiteira contratada pelo empreendimento comercial. O problema é que essa empresa faliu e a manutenção virou um processo judicial.

A assessoria de imprensa da Prefeitura informou ainda que, para resolver a questão, será preciso realizar uma obra complexa de contenção do talude, nome técnico de terrenos inclinados como o dessa rua. Daí, será necessário instalar um novo pavimento no local, solução definitiva para a encrenca, que, por enquanto, permanece sem data para ser resolvida.

Até o calçamento da via no entorno do shopping foi danificado há meses pelas chuvas (Foto: Alcide Neto)Até o calçamento da via no entorno do shopping foi danificado há meses pelas chuvas (Foto: Alcide Neto)


A prefeitura não quer aproveitar o período de estiagem em que já estamos e arrumar de vez os buracos e erosões por problemas de drenagem, ocasionados pelas chuvas, não é a toa, pois futuramente, no período das chuvas, vem com a "desculpinha" de que é muito difícil, as equipes não dão conta, os motoristas não sabem dirigir, além é claro de superfaturarem os custos e decretarem estado de calamidade pública, aliás como foi feito no Rio de Janeiro recentemente, mas por conta das "olimpiádas", piadas pois é disso que vive o Brasil, infelizmente, mas voltando ao assunto, como se as chuvas não fossem previstas e não estamos carecas, assim como o prefeito, de saber o período delas aqui em nossa região. Onde está a justiça? Que além de cega, está muda e surda! Cuidado para não cair em um buraco!
 
Guto em 14/07/2016 09:45:15
Feliz de nós "campograndenses" se este fosse o único problema que tivéssemos! Alguém em sã consciência e desprovido de paixão por algum dos gestores desta atual gestão... (Prefeito... vice-prefeito, ex-vice, ou... sei lá quem é quê....) tem visto alguma coisa funcionar nesta atual gestão ? Prefeito que não se escreve o que diz... ou tem que escrever a lápis..... vereadores... secretários da atual gestão... que não se entendem e o fato é que tudo está sempre piorando. Nada, Absolutamente nada melhorou desde que iniciada esta pífia gestão Municipal. Exemplo: Av. Júlio de Castilho, passo nela todos os dias e continua lá sem terminar... semáforos mal colocados, mal programados com erros bisonhos de lógica e programação. A tal e tão comentada OPERAÇÃO TAPA BURACOS que nunca aparece...!
 
Claudinei Correia da Cruz em 13/07/2016 22:00:06
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions