A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

02/07/2016 09:55

Na UPA e em estado grave, menina espera transferência para hospital

Renata Volpe Haddad

Em estado grave, com pneumonia e suspeita de H1N1, Camile Mendes Godoi, 12 anos, deu entrada no UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro Leblon no início da tarde de ontem e desde então, aguarda vaga para ser transferida a um hospital.

Preocupada com a situação, a família conta que os médicos suspeitam que ela esteja com gripe A, mas não é possível transferi-lá a uma unidade com mais recursos médicos, pois não há vagas nos hospitais de Campo Grande.

Conforme o irmão da menina, Bruno Hallysson de Moraes Godoi, Camile tem problema de desenvolvimento e precisa de uma atenção especial. "Desde que ela deu entrada na UPA, o estado de saúde da minha irmã só piora, ela está em coma induzido e com suspeita de gripe A, deveria estar em área isolada e não aqui", afirma.

Ainda segundo Bruno, uma senhora que também estava aguardando vaga para hospital mas que não tinha o estado grave igual ao de Camile, foi transferida antes. "Outras pessoas que chegam aqui conseguem vaga, menos a minha irmã e eu temo pelo pior".

De acordo com a assessoria da Prefeitura de Campo Grande, a vaga que Camile precisa é em uma CTI (Centro de Terapia Intensiva) e assim que surgir, logo ela será transferida. Os médicos estão monitorando o estado de saúde da adolescente.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions