A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

01/03/2012 15:53

Polaco, chefão do contrabando, deixa presídio 2 dias após decisão do STJ

Ana Paula Carvalho e Francisco Júnior
Polaco ao sair do presídio (Foto: Marlon Ganassin)Polaco ao sair do presídio (Foto: Marlon Ganassin)

Alcides Carlos Grejianin, o Polaco, acusado de ser um dos chefões do contrabando de cigarro no País, deixou nesta tarde, por volta das 15h, o Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande, onde estava preso desde novembro do ano passado, quando foi desencadeada a operação Alvorada Voraz. Ele estava acompanhado do advogado e da família.

A saída ocorreu dois dias após decisão do STJ (Superior Tribunal de Justiça), que concedeu a liberdade a Alcides Grejianin.

Polaco estava com aparência de abatido. Ele não quis falar com a imprensa. Dois filhos dele aguardavam fora da unidade prisional.

O advogado de Polaco, Sandro Sérgio Pimentel, afirmou que uma entrevista coletiva será marcada para semana que vem.

No pedido de habeas corpus, a defesa informou a existência de um cisto na região da mandíbula e afirmou que ele já havia realizado exames no Paraná, antes da prisão. A cirurgia já está agendada, segundo o defensor.

Uma restrição no estado de Goiás atrasou a soltura de Polaco. Hoje, o comandante da Polícia Militar, coronel Carlos Alberto David, chegou a afirmar ao Campo Grande News que a liberdade dele é um “banho de água fria" em todo esforço e trabalho feito pela polícia e que lamenta a decisão da Justiça.

Quem é - Polaco é acusado de liderar um esquema criminoso de contrabando de cigarros e pagar propina para policiais militares e a um agente tributário estadual lotado em Brasilândia. O grupo foi alvo da operação Alvorada Voraz, realizada no dia 23 de novembro, pelo Gaeco, PRF (Polícia Rodoviária Federal) e PM (Polícia Militar).

À época, foram cumpridos 17 mandados de prisão temporária, 11 civis e 5 militares.

Durante a ação, foram apreendidos 12 veículos, 268 munições de vários calibres, um revólver calibre 38 de propriedade de um policial, um CPU, um notebook e cinco celulares.

A operação foi desencadeada nas cidades de Antonio João, Caracol, Jardim, Porto Murtinho, Campo Grande, Eldorado e Brasilândia, além de Brasília (DF) e Umuarama (PR). A ação reuniu 200 profissionais.



Quem fala que a culpa é do judiciário é porque não sabe do mínimo das coisas. Quem faz as leis é o congresso, eles que estipularam pena pequena para o contrabando, então, Marli Silva, dentre outros. Que tal a gente começar a reclamar para as "otoridades" certas?" Ou seja, os nosso deputados e senadores. Para um crime de pena de 1 a 4 anos, até que ficou muito tempo. Cumpriu o que a lei manda! Só!!
 
Marco Antonio em 02/03/2012 11:41:22
O povo de bem as organizações serias da sociedade tem que fazer um grande protesto contra o poder judiciário deste estado e país, pois a policia com todas dficiencias que tem falta tudo..investiga trabalha noite e dia de baixo de sol, chuva e tudo para conseguir prender bandidos como este ai vai o juiz e solta o cara. Não tem mais cabimento isso, a policia prende hj e o juiz solta depois...
 
Marli Silva em 02/03/2012 08:02:32
Para você entender isso precisa saber quem faz as leis. A pior raça é quem faz a Lei para o judiciário; e quem vota para eleger essa cambada? o povo! Que muitas vezes fica criticando e não sabe nem em quem votou eporque votou.
 
luiz alves pereira em 02/03/2012 07:43:55
Chegaria a ser hilário se não fosse cômico, então um cisto conseguiu livrar o poderoso chefão das grades? Esse nosso poder judiciário precisa de reforma mesmo, Helio Castroneves apenas por suspeita de fraude contra o fisco americano, foi preso alegemado nos pés e nas mãos, e pagou fiança de dez milhões de dólares.

E esse aí, foi cisto assinou seu habeas corpus.

JUDIA-CIARIO.
 
ELUIZ SILVA PAULON em 02/03/2012 06:23:18
Cadeia, no Brasil, foi feita para os três P: pobre, preto e prostituta.
Se vocês têm dúvida disso, visitem os presídios...
PS.: Por que nunca publicam meus comentários?!?!
 
Pedro Makezan Badan em 01/03/2012 09:19:41
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions