A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 15 de Outubro de 2019

18/04/2019 11:52

Previsão é entregar obra do Reviva até o fim de novembro, diz Engepar

Sócio-proprietário da empresa, Carlos Clementino Moreira Filho, falou com os vereadores sobre a entrega da obra

Leonardo Rocha
Empresa responsável disse que obra fica pronta até final de novembro (Foto: Leonardo Rocha)Empresa responsável disse que obra fica pronta até final de novembro (Foto: Leonardo Rocha)

Durante visita dos vereadores a obra do Reviva Centro, nesta manhã (18), o sócio-proprietário da Engepar Engenharia e Participações, Carlos Clementino Moreira Filho, disse que a previsão é entregar o projeto pronto até o fim de novembro, para que os comerciantes possam fazer as vendas do período de Natal, com o local pronto.

“A obra está bonita, com acabamento residencial, está dentro do cronograma que era março de 2020, mas temos desafio de entregar antes, até o fim de novembro, para que haja o comércio total na época de Natal”, disse Clementino.

Ele ponderou que para isto a equipe da obra já está trabalhando em dupla jornada, das 6h da manhã até às 22 horas, o que foi uma decisão de bom senso. “Desta forma não precisamos de um custo maior por causa do adicional noturno, assim como não infringimos a Lei do Silêncio”.

Moreira disse que entende que a obra é “difícil para os lojistas”, mas que é um projeto ambicioso, que tem seus contratempos. “Por exemplo, paramos em dezembro, tivemos dificuldades com as chuvas de janeiro e fevereiro, além de termos surpresas dutos que não estavam previstos e outras atividades”.

Sobre o aditivo requisitado para obra, disse que depende muito do que o contratante quer para o projeto, além de custos que não estavam previstos. “Tem a intenção de colocar rede Wi-Fi, tem dutos que não estavam previstos, até a equipe de recepção que foi contratada para orientar os pedestres sobre passagens”.

Vereadores Junior Longo (PSB), Airton Araújo (PT), Wilson Sami (MDB), Vinícius Siqueira (DEM) e Epaminondas Vicente (SD), foram ao local vistoriar a obra (Foto: Leoanrdo Rocha)Vereadores Junior Longo (PSB), Airton Araújo (PT), Wilson Sami (MDB), Vinícius Siqueira (DEM) e Epaminondas Vicente (SD), foram ao local vistoriar a obra (Foto: Leoanrdo Rocha)

Vistoria – Um grupo de cinco vereadores – Junior Longo (PSB), Airton Araújo (PT), Wilson Sami (MDB), Vinícius Siqueira (DEM) e Epaminondas Vicente (SD) – fizeram uma visita a obra do Reviva, nesta manhã, acompanhados por engenheiros e representantes da empresa responsável pelo serviço.

Junior Longo disse que a intenção era esclarecer dúvidas e repassar reclamações dos lojistas, que chegaram à Câmara Municipal. “O que ficamos satisfeitos é a previsão de terminar até novembro, antecipando o prazo inicial, que é uma boa notícia para o comércio aqui no final do ano”.

O vereador disse que o trecho que está quase pronto, mostra qualidade e que houve explicações sobre detalhes da obra. “Por exemplo, já tinha asfalto rachado e outras reclamações, mas nos disseram que ainda não foi feito o acabamento e que no final terá uma nova capa de asfalto na Rua 14 de Julho”.

Ele ponderou que a Câmara está aberta para receber reclamações dos comerciantes e que vão checar as queixas com os responsáveis. Sobre eventual aditivo a obra, disse que “não é algo errado”, mas deve se verificar apenas se é “necessário e justo”.

Obra do Reviva na Rua 14 de julho (Foto: Leonardo Rocha)Obra do Reviva na Rua 14 de julho (Foto: Leonardo Rocha)

Projeto – A obra está na metade, com 55% executados, e R$ 26 milhões pagos. O contrato ainda não teve alterações. Financiado pelo BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento), o Reviva Centro começou em 4 de junho de 2018. O valor do contrato original é de R$ 49 milhões.

Ao todo, são 12 quadras da 14 de Julho, principal via do comércio da Capital de Mato Grosso do Sul, que correspondem a 1.400 metros. Na obra, a fiação é toda subterrânea.

Depois, será feito o pavimento e começam as intervenções de paisagismo, com árvores do Cerrado, instalação de bancos para espaços de convivência. Tratada como um shopping a céu aberto, com prioridade para o pedestre.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions