A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

27/10/2011 17:55

Reforma em posto da PM da Vila Margarida vai ficar em torno de R$ 17 mil

Paula Maciulevicius

Vereadores afirmam entregar reforma concluída antes do Natal

Reforma em posto fechado há mais de 20 dias deve começar na 2ª. (Foto: João Garrigó)Reforma em posto fechado há mais de 20 dias deve começar na 2ª. (Foto: João Garrigó)

A reforma do posto da PM da Vila Margarida deve ficar em torno de R$ 17 mil e a obra vai ser entregue até o Natal, pelo menos é essa a garantia dos vereadores Paulo Siufi (PMDB), Carlão (PSB) e Jamal (PR), que tomaram a iniciativa de levantar parcerias para a reforma.

Hoje, logo mais, será realizada uma reunião entre policiais militares do 9° Batalhão, comunidade e parlamentares, na Associação de Moradores da Vila Margarida, a partir das 18h.

A previsão é iniciar a obra já na próxima segunda-feira e concluir antes do Natal.

O posto policial foi construído pela própria comunidade, ainda na década de 1980 e não faz parte do patrimônio público. Depois da entrega, passou por poucas reformas e recentemente entrou em colapso geral.

Fechado há pouco mais de 20 dias, os moradores que antes viam policiais militares, agora passam pelo prédio e se deparam com portas fechadas, inclusive sem maçaneta. O vidro da janela da fachada parece estar quebrado e até a placa com o nome do 9° Batalhão está com as letras apagadas.

Por conta da precariedade na estrutura, os policiais foram deslocados para a base do Parque das Nações Indígenas, em uma transferência que, segundo a corporação, é temporária.

A região, vizinha ao bairro Giocondo Orsi, se transformou em bairro visado pelos criminisos e foi cenário de uma tentativa de assalto que terminou na morte de duas pessoas, na rua Genebra, no último dia 26 de setembro.

Em entrevista com os moradores na semana passada, o Campo Grande News percebeu que a lembrança ainda está presente na cabeça dos moradores.

“Esse mês passado aí aconteceu um assalto e um policial à paisana que evitou, mas foi aqui quase em frente à creche. Se com Polícia já tinha, imagina sem?”, diz a babá Lenilda dos Santos Vieira, de 41 anos.

Uma das proprietárias de uma panificadora da Vila Margarida, Irene Moreira Cardoso, de 67 anos conta que teve o estabelecimento assaltado há dois meses e se não bastasse, bandidos também entraram na casa da filha na semana passada.

“Na quarta-feira pularam o muro e entraram na casa da minha filha. A gente não tinha quem chamar”, fala sobre a insegurança.

Enquanto o Posto Policial está fechado, o comandante do 9° Batalhão da Policia Militar, coronel Haroldo Luiz Estevão está mantendo uma base móvel no local pelo tempo máximo possível, principalmente no horário da 19h à 1h da manhã.

Ainda de acordo com o comandante, enquanto não há ocorrências, viaturas da PM também estão permanecendo no local.



do Posto da Vila Margarida
Parabéns amigos!
Qto ao Posto da Cel. Antonino, sem resultado satisfatório o que é uma pena. A população paga caro pela segurança e fica sempre no prejuízo.
Vale ressaltar, que é imprescindível sua reativação, uma vez que a referida Avenida é cheia de agências bancárias, comércios, residências,etc. Durante à noite e finais de semanas, só Deus protege.
 
neyde de oliveira em 28/10/2011 12:28:34
Perfeito seu comentário Manoel Vieira, realmente é um Horror...conheço muito bem. Digo mais, os dessa Uneis tbém é um lixo...no ano passado fiquei indignada, quando vi a realidade dos Pms, que tiram serviço na Unei da Br(saida p/ Três Lagoas).
Esses Hérois da sociedade, merecem mais dignidade, respeito e condições humanas de trabalho.
Estou feliz, pela reforma e consequentemente pela reativação
 
neyde de oliveira em 28/10/2011 12:22:42
Meu Deus o 1°BPM tem quase 100 anos e até hoje não tem um prédio, enquanto o governador inaugura 7° DP e hoje inaugurou um dos BM no interior, e vou mais longe só passou cal no meio fio enfrente o DOF!!!!!!!!!
 
antonio sidney em 28/10/2011 12:07:04
Os nobres edis deveriam verificar cias e postos policiais como o do presídio feminino, no bairro cel antonino, que são verdadeiros 'muquifos'.Os PMs de MS merecem tratamento melhor.Esse valor de 17 mil é irrisório para o estado, como os políticos mesmo dizem, 'dinheiro de pinga...'
 
manoel vieira f da silva em 27/10/2011 09:15:34
Engraçado, para reformar posto policial gasta-se uma bagatela enquanto que para reformas em pontes de madeira gasta-se... ah deixa pra lá e vão todos lamberem sabão.
 
Carlos Silva Oliveira em 27/10/2011 09:00:35
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions