A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

21/07/2011 10:19

Tramado por adolescentes, roubo que acabou em morte envolveu 7 pessoas

Aline dos Santos e Francisco Júnior

Ideia de assalto partiu de três amigos: duas garotas e um rapaz

Detalhes do caso foram repassados hoje durante entrevista coletiva. (Foto: João Garrigó)Detalhes do caso foram repassados hoje durante entrevista coletiva. (Foto: João Garrigó)

O roubo que terminou no assassinato de Thiago Marques Rosa, de 26 anos, foi tramado por sete pessoas, sendo quatro adolescentes e três adultos. A ideia de fazer um assalto partiu de três amigos: duas garotas de 14 e 15 anos e um rapaz de 17 anos. O objetivo era conseguir dinheiro para o trio morar junto, numa espécie de república.

A vítima foi encontrada num posto de combustível localizado na avenida Costa e Silva, em Campo Grande. Thiago chamou a atenção por ter veículo com som potente e já ter “saído” com a irmã da garota de 14 anos. Nessas ocasiões, ele sempre tinha dinheiro.

“Ah, pode ser esse ai”, decidiu o trio, conforme relatado à delegada da Deaij (Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude), Aline Sinotti Lopes.

No último sábado, a adolescente de 14 anos marcou um encontro com Thiago na feira do bairro Jardim das Meninas, proximidades do bairro Jardim Centro-Oeste, onde os adolescentes moram.

Ele não achou o local e o encontro foi transferido para a entrada do Jardim Bálsamo. As duas adolescentes e Thiago seguiram para a casa da irmã da garota de 14 anos. O imóvel estava vazio. Em seguida, a garota de 15 anos disse que os deixaria sozinhos.

Atrizes - Neste momento, a farsa do assalto foi colocada em prática com a ajuda de três adultos e o adolescente de 17 anos. As garotas atuaram como vítimas do roubo. Enquanto Thiago foi amarrado com fita crepe, as meninas choravam sem parar.

A vítima conseguiu se soltar e passou a ser agredida com socos, chutes e coronhadas. Ele foi novamente rendido e amarrado com um carregador de celular. A cabeça dele foi coberta com uma fronha.

Os assaltantes pegaram R$ 30, único dinheiro que tinha na carteira, cartões bancários e o celular. Os adultos saíram do local. Thiago foi colocado no porta-malas do seu veículo. A garota de 15 anos dirigiu a Blazer e o rapaz de 17 anos foi no banco traseiro.

Ela levou o veículo até uma estrada vicinal no bairro Morada do Sol. Então, a adolescente passou a tirar sarro da vítima. “Esse otário caiu no que nós planejamos”, teria dito. Como revelou ter participação no roubo, ela e o rapaz decidiram matar Thiago.

Antes, o adolescente passou, por telefone, a senha da conta bancária. Ainda no telefone, ele disparou no rosto de Thiago e disse para o adulto que estava do outro lado da linha: “Escuta ai”.

Foram efetuados outros três disparos. O corpo foi deixado no local e a garota dirigiu o veículo por mais três quilômetros. Ela perdeu o controle e abandonou a Blazer. Os ladrões tentaram sacar dinheiro, mas sem sucesso.

Mãe - A trama começou a ser desvendada na manhã de segunda-feira. Ao ver notícias do crime, a garota de 15 anos começou a chorar e contou para a mãe. A mulher a levou até a 5ª delegacia. No início, ela tentou acobertar os demais envolvidos.

A adolescente disse que o rapaz, dentro do carro, começou a tocar a garota de 14 anos. Ela teria ficado assustada, encontrou a arma no banco traseiro e atirou. Contudo, quando o delegado Fernando Nogueira pediu que ela segurasse uma arma, a adolescente não tinha força para puxar o gatilho.

As duas adolescentes e o rapaz de 17 anos vão responder por roubo qualificado, homicídio qualificado e formação de quadrilha. Os três foram levados para Uneis. Para menor de idade, o tempo máximo de internação é de três anos.

O quarto adolescente, um garoto de 15 anos, ainda não foi localizado. Ele foi apontado como dono da arma. A delegada Aline Lopes destaca a colaboração com a polícia por parte dos pais das adolescentes.

Já do trio de amigos, o que chamou a atençao foi a frieza. Questionada se estava arrependida, a garota de 15 anos disse que "não tinha peso nenhum, porque ele estava morto mesmo".

Foragidos - A Derf (Delegacia Especializadas de Roubos e Furtos) ficará responsável pela investigação dos adultos. Já foi preso Luciano Monteiro Rodrigues, de 20 anos. Ele justificou que participou da ação por precisar de dinheiro. Outros dois adultos estão foragidos e não tiveram os nomes divulgados.

Apreendido garoto que matou rapaz com ajuda de adolescentes na Capital
Duas adolescentes foram apreendidas por terem participação no crimeO adolescente de 17 anos suspeito de matar a tiros Thiago Marques Rosa, 26 anos, ...
Polícia investiga outros autores no assassinato de rapaz na Capital
Apesar de duas adolescentes, de 14 e 15 anos, confessarem o assassinato de Thiago Marques Rosa, de 26 anos, a Polícia Civil suspeita que exista, ao ...


Talvez esses politicos lembram de pena de morte quando isso acontece com familiares deles. demoro manda esses vagabundo pro inferno. dúvido q não diminui 80 %
 
Adelcio de Mello em 22/07/2011 12:04:52
Parabéns a Polícia e aos policiais de forma geral, felizmente vocês fazem o trabalho de vocês direitinho... Porém infelizmente nossa legislação protege e contribui bastante para que crimes destes tipo só aumentam em nosso País. Até quando nós seremos vitímas destes legisladores hipócritas e demagogos ???
 
JOSE PEREIRA DA SILVA em 22/07/2011 09:00:27
O dia em que a população começar a fazer justiça por si só, a coisa vai ficar mais feia, a lei está errada e se tivessemos politicos inteligentes neste país já teriam notado isso.
 
moacir cafaro em 22/07/2011 08:51:43
São uns lixos, escória da sociedade....ai vão vir teólogos com baboseiras, dizendo que não tiveram chance na vida, que foram esqueçidos e, podem ser recuperados.E o pior é que essa gente se reproduzem de forma rápida, a mãe fica vendo novela, e o muleque sai pra cometer atrocidades.Talvez esse cara também não seria boa pessoa, mas em outros casos temos a sensação de que as pessoas boas estão indo...
Daqui a pouco eles estarão ai, nas ruas, e procurando lixo na internet, e o país nessa carnificina toda, azar de quem trombar com esses imbecis!!
 
Dalton Constantino em 22/07/2011 08:43:35
Shame! Vergonha! Isso mesmo, vergonha de ler comentários a favor da pena de morte. Pessoas que desconhecem totalmente o escopo da segurança pública deveriam se abster de proselitar em causa desconhecida. Esse sentimento de ódio e vingança só pode ser cultural mesmo pois aqui na banânia um simples acidente de trânsito é motivo suficiente para partir para a agressão verbal e física. Que tal voltarmos a usar pele de ovelha, sair na rua gritando 'uga-uga', com um porrete na mão e violentando qualquer um que nos contrariasse? não parece mais familiar? viva a selvageria! abaixo o direito da ampla defesa! ...
 
Wilian Silva em 22/07/2011 08:04:48
Bando de monstros....quem faz isso com 14, 15 ou 17 anos tem alguma perspectiva de ser um adulto digno, ético, de bem? NÃO!!!!
Por isso concordo com o João Delmondes..."OLHO POR OLHO, DENTE POR DENTE".
Esses VAGABUNDOS MALDITOS só fizeram isso, porque certamente tinham alguma ciência de que nada de mais grave lhes acontecerá.

O problema deste projeto de país é esta impunidade: para políticos ladrões, assassinos, sequestradores, motoristas imprudentes, etc.

Quando as coisas por aqui forem tratadas de forma sérias, nós seremos um país sério com pessoas sérias. Enquanto isso, é este tipo de coisas que seremos obrigados a ver, e a engolir nossas revolta.
 
Thiago Dias em 22/07/2011 07:36:53
Não concordo com a pena de morte.Ninguém de nós tem o direito de tirar a vida de ninguém.Esses jovens erraram, matarm sem dó nem piedade, mas posso dizer que esses jovens podem ainda ser recuperados.Não vamos cometer os mesmos erros aprovando a pena de morte.Isso é contra a doutrina da minha Igreja.Perdão...perdão...perdão....lembremos do exemplo deixado por João Paulo II quando perdoou quem tentou matá-lo....A vida do meu filho quase foi ceifada por um acidente de trânsito quando tinha 3 anos tendo sua perninha esmagada e até hoje sofre as consequências desse acidente.Já passou por 31 cirurgias e muitas outras ainda virão.E eu Perdoei quem atropelou meu filho.Portanto, PERDÃO...PERDÃO...PERDÃO!!!
Evangelho (Mateus 18, 21-19,1)
Tenhamos um coração misericordioso, e perdoemos.
Pedro pergunta a Jesus: “Senhor, quantas vezes devo perdoar se meu irmão pecar contra mim? Até sete vezes?” E Jesus responde: “Não te digo até sete vezes, mas até setenta e sete vezes sete”.
 
Nair Specort em 22/07/2011 07:25:08
O nosso país precisa urgentemente criar leis severas, contra esses marginais, bandidos, assassinos,,menores de idade. Lei para o menor tem de proteger aquele, menor que é vitima,,,agora proteger bandidos menores,,só aqui no nosso Brasil,,isso é uma vergonha...
 
lopes lima em 21/07/2011 12:12:15
Quem manda não deixar os pais educar os filhos. Muitos fatos lamentáveis iguais a esse ainda irão ocorrer até que a sociedade acorde. Filhos inúteis, filhas prostituídas. Tudo em nome do ter e não do ser. A saudade do meu tempo. Agradeço aos meus pais as surras diária que tomei até meus 13 anos de idade. Isso me fez um homem de verdade. Hordeito e respeitador. E que Deus nos abençoe a todos.
 
Carlos Roberto em 21/07/2011 11:38:16
Pena de morte para crimes hediondos!
Sete balas calibre 22 e a Sociedade serà mais protegida, sem nenhum peso, porque eles jà estarao mortos mesmo!
 
Carlos d'Amore em 21/07/2011 10:47:29
parabens a policia rapida e eficaz parabens a essa mãe tb apesar da dor de entregar sua filha fez o correto ela devia aprender a lição que Deus abençõe a senhora e a familia desse moço tb que sai pra se divertir e acaba morto
 
soraia lombardi em 21/07/2011 10:38:52
Infelizmente mais uma morte e mais bandidos que logo estarão nas ruas arquitetando outros delitos. Enquanto nossa justiça for cega tudo vai ficar na mesma e até pior, porque agora até as crianças acham que é a coisa mais normal do mundo exterminar as pessoas em troca de dinheiro. Pena de morte urgente! Esta seria a unica maneira de coibir crimes desse porte. Por enquanto todos acham muito banal matar, porque o que se recebe de castigo tem duração minima. A turma dos Direitos Humanos corre atras dos menores para saber se estão bem tratados. Mas quem vai atrás da familia que perdeu seu ente querido?
É vergonhoso para o Brasil!
Triste!
 
Lara Cardoso em 21/07/2011 08:07:54
com muita tristeza no coração eu quero externar uma coisa , que agora eu começo a refletir com mais sensibilidade a questão da pena de morte no brasil,e acho que esta na hora da nossa nação descutir esta possibilidade de ser vigorado esta lei no nosso paiz. Porque a unica coisa que poderia ser feito como punição em um caso como este seria todos eles pagar com a propia vida tambem, que sem nem um pingo de amor ao proximo premeditou a morte deste jovem trabalhador.Eu creio que quando começar a vogorar a lei quem mata morre, tçao logo todos irçao pensar mil vezes antes de tirar a vida do outro.....
 
JOAO DELMONDES em 21/07/2011 05:31:43
primeiramente parabéns a polícia que agiu rápido e conseguiu resolver mais esse crime hediondo, pra mim na verdade deveria alterar essa lei que tanto protege esses menores infratores, não se justifica essa barbaridade que fizeram com esse rapaz, na verdade deveria existir uma punição mais severa a eles, porque uma coisa é certa, por causa dessa legislação que é o famoso ECA, deixa bem claro que bandido "menor" não tem punição, e que logo vai estar nas ruas novamente pra destruir mais familias.
 
Alessander da Silva fernandes em 21/07/2011 04:31:27
É, depois acham um absurdo a redução penal para menores. Lamentável. A justiça logo liberará esses infratores e psicólogos vão começar a falar que é necessário um acompanhamento e tudo mais...BOBAGEM! O ÚNICO REMÉDIO PARA CONSERTAR BANDIDO É CADEIA E MUITO TRABALHO PESADO para darem valor na vida. Coloca esses meninos e meninas pra trabalharem em obras públicas ao invés de ficarem detidos ou na internet em casa...
 
Ricardo Andrade em 21/07/2011 02:06:28
isso tudo é muito triste, por causa de porcaria de dinheiro tiraran a vida do rapaz, a impunidade mais uma vez fez mais uma vitima no Brasil, esses menores sabem que nao ficarao ne 6 meses na unei, sinceramente, se a familia do Thiago for querer justiça de verdade que façam com as proprias maos, ´e isso e só isso que esses assasinos malditos merecem.
 
paulo neto em 21/07/2011 02:01:55
Meu Deus, como estes adolescentes que executaram o rapaz foram frios, só pensaram nos seus problemas e esqueceram que ali se tratava de um ser humano, que teria uma família por ele...como os pais sofrem com atitudes impensadas dos filhos, pais é triste, mais parabéns pela atitude, força, que o nosso Deus proteja para que mais tarde não esteja na mesma situação desse rapaz que foi monstruosamente assassinado os seus próprios filhos.
 
Márcia Oliveira em 21/07/2011 01:44:12
Esses facínoras não têm conserto. Só Deus para transformá-los e a lei deveria permitir um encontro após breve processo judicial.
 
Carlos Eduardo em 21/07/2011 01:19:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions