ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, TERÇA  25    CAMPO GRANDE 22º

Empregos

Ponto itinerante leva 1,6 mil vagas de emprego até o Coronel Antonino

Funtrab, agência estadual do trabalho, terá expediente na unidade Fácil das 8h às 13h

Por Gustavo Bonotto | 08/05/2024 20:01
Candidatos aguardam por atendimento em agência de empregos. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)
Candidatos aguardam por atendimento em agência de empregos. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

Com atendimento rotativo das 8h às 13h no Fácil General Osório, situado no Bairro Coronel Antonino, a Funtrab (Fundação de Trabalho de Mato Grosso do Sul) oferta, nesta quinta-feira (9), 1.643 novas vagas de emprego em Campo Grande.

Segundo a nota enviada à imprensa, as oportunidades variam entre empregos temporários e de tempo integral. A oferta também abrange pessoas com deficiências, com 70 vagas, além de 14 estágios para quem curso superior.

Açougueiro, ajudante de carga e descarga, balconista, caseiro, costureiro, eletricista, mecânico, mestre de obras, operador de caixa, padeiro, preparador físico, produtor de rádio, repositor e até vigia são algumas das oportunidades anunciadas pela fundação.

As vagas anunciadas, no entanto, são rotativas e podem ser preenchidas a qualquer momento, sem prévio aviso. Isso significa que os candidatos devem agir rapidamente para garantir sua candidatura e participação nos processos seletivos.

Para participar, basta comparecer à sede da fundação. A documentação necessária para concorrer a uma das oportunidades inclui RG (Registro Geral), CPF (Cadastro de Pessoas Físicas) e Carteira de Trabalho.

A agência fica na Rua 13 de Maio, 2.773, e está aberta para atendimento de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h30. Já o atendimento itinerante fica no Fácil General Osório, situado na Rua Santo Ângelo, 51, das 8h às 13h.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.


Nos siga no Google Notícias