ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SÁBADO  15    CAMPO GRANDE 23º

Interior

Fazendeiro que degradou mata para construir tanque é multado em R$ 5 mil

O proprietário rural também responderá por crime ambiental

Por Fernanda Palheta | 19/04/2019 13:56
O fazendeiro usou máquinas para construir o tanque sem a autorização ambiental (Foto: PMA)
O fazendeiro usou máquinas para construir o tanque sem a autorização ambiental (Foto: PMA)

O proprietário rural de uma fazenda localizada à margem da rodovia MS 244, em Rochedo, cidade a 74 quilômetros de Campo Grande, foi autuado e multado pela PMA (Polícia Militar Ambiental), pela degradação da mata ciliar de córrego Baixada, que é considerada uma APP (Área de Preservação Permanente).

A área foi desmatada para a construção de um tanque de piscicultura. A degradação foi flagrada por policiais militares ambientais durante fiscalizações de propriedades rurais de Rochedo, na tarde de quinta-feira (18).

Segundo a PMA, o fazendeiro usou máquinas para construir o tanque sem a autorização ambiental. No local, uma área de mata ciliares do córrego que corta a propriedade, policiais militares ambientais não encontraram o maquinário usado.

As atividades foram interditadas. O proprietário rual foi autuado,  multado em R$ 5 mil e também responderá por crime ambiental, com pena prevista de um a três anos de detenção. O Fazendeiro ainda foi notificado a apresentar junto ao órgão ambiental Estadual um (Prada) Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada .