ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUARTA  29    CAMPO GRANDE 17º

Interior

No 5ª dia de buscas por idosa, força-tarefa ganha reforço de helicópteros

Área de atuação da equipe de busca foi ampliada; idosa sumiu no domingo, em uma trilha

Por Geniffer Rafaela | 13/01/2022 14:55
Áreas de buscas foram amplidas, equipes já percorreram 140 km desde o ínicio das buscas. (Foto: Divulgação Corpo dos Bombeiros)
Áreas de buscas foram amplidas, equipes já percorreram 140 km desde o ínicio das buscas. (Foto: Divulgação Corpo dos Bombeiros)

No 5º dia de buscas por Tânia Bonamigo, 62 anos, o Corpo de Bombeiros Militar conta com força-tarefa que possui mais de trinta militares, cães de busca e resgate, drones e reforço de helicópteros. Segundo familiares, a idosa se perdeu e desapareceu em uma trilha na Cachoeira Los Pagos, em São Gabriel do Oeste, a 137 km da Capital.

Na tarde de ontem (12), a equipe de busca e resgate recebeu reforço de helicóptero cedido pelo governo do Estado da Casa Militar. Durante a tarde de hoje, militares realizaram sobrevoo com a aeronave da PRF (Polícia Rodoviária Federal).

Atualmente, a principal dificuldade encontrada pelos bombeiros são as trilhas estreitas de difícil acesso que contêm pedras escorregadias, que causam risco de queda de penhascos, ataques de enxame de abelhas, cobra e a presença de onças na região.

Para as buscas, foi mapeada a possível área onde Tânia poderia estar quando desapareceu. Após o mapeamento, foram divididos quadrantes, onde os militares realizaram buscas. Desde ontem, a área de busca traçada pela equipe foi ampliada e está agora em cerca de 500 metros.

Até o momento, ainda não foram localizados vestígios que direcionem os bombeiros até a vítima. No total, equipes já percorreram 140 km na região, a partir de onde idosa desapareceu. São cerca de 30 militares, entre eles, especialistas em buscas terrestres e salvamento em altura, que também estão envolvidos nas buscas.

Desaparecimento - Conforme apurado pelo Campo Grande News, Tânia mora em Campo Grande e estava acompanhada de parentes, quando ao se afastar por alguns minutos do grupo que fazia a trilha, acabou desaparecendo. Ninguém soube informar se ela chegou a entrar na cachoeira, que tem 70 metros de queda.


Nos siga no Google Notícias