ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, QUARTA  19    CAMPO GRANDE 28º

Interior

Operação Inescrupulosos investiga fraude no saque emergencial em MS

As investigações tiveram início em maio deste ano, quando foi identificado o beneficiário das fraudes

Por Viviane Oliveira | 27/10/2021 08:43
Policiais federais durante cumprimento de mandados em Deodápolis, município com pouco mais de 11 mil habitantes. (Foto: Divulgação/PF)
Policiais federais durante cumprimento de mandados em Deodápolis, município com pouco mais de 11 mil habitantes. (Foto: Divulgação/PF)

A Operação Inescrupulosos, deflagrada na manhã desta quarta-feira (27) pela PF (Polícia Federal), investiga fraude no recebimento do auxílio emergencial em Deodápolis, distante 252 quilômetros de Campo Grande.

Conforme a PF, as  investigações tiveram início em maio, quando informações registradas na Base Nacional de Fraudes ao Auxílio Emergencial identificou o beneficiário das fraudes relacionadas à concessão do benefício emergencial.

As apurações demonstraram que os investigados criavam contas fraudulentas em nome de terceiros no aplicativo “CAIXA TEM” para, posteriormente, fazer o pagamento de boletos bancários cujos valores eram depositados em contas de titularidade dos próprios golpistas.

Nesta manhã, são cumpridos dois mandados de busca e apreensão no município, expedidos pela Justiça Federal, com a finalidade de identificar a participação de outros envolvidos ou vítimas nas fraudes bancárias.

O nome da operação faz referência ao modo de atuação dos investigados que mesmo diante da pandemia da covid-19, viram a oportunidade de fraudar o auxílio emergencial, sem se importar com a vulnerabilidade de milhares de brasileiros que realmente faziam jus ao pagamento.

O auxílio começou a ser pago em abril do ano passado, para ajudar parte da população que perdeu renda em razão da pandemia. Desde então, estelionatários se aproveitaram de brechas no sistema de pagamento para receber o dinheiro no lugar de quem realmente teria direito.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário