A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 23 de Março de 2017

06/05/2014 11:33

Polícia investiga tráfico e exploração em casa beneficiada por programa social

Graziela Rezende

Além de reincidir no tráfico de drogas, uma mulher de 29 anos está sendo acusada explorar sexualmente as filhas, todas menores de idade. O caso foi registrado na manhã desta terça-feira (6), por servidoras da prefeitura de Ladário, a 419 quilômetros da Capital.

Segundo as denunciantes, E.C. de S. vende, diariamente, entorpecente em um imóvel na rua Cambarú, no bairro Alta Floresta I.

As despesas da casa atualmente são pagas pelo programa social “Benefício Eventual de Auxílio Aluguel”, sendo que atualmente a situação está “insustentável” e os assistidos inclusive questionam as funcionárias sobre “como é possível o governo pagar aluguel para uma boca-de-fumo?”.

A mulher, conforme o B.O. 629/2014, ainda estaria dando moradia a um autor de furtos e roubos. Após diversas denúncias, as funcionárias decidiram comparecer a delegacia para pedir providências. O fato está sendo apurado.

 

Traficante invade terreno e abandona carro com 407 quilos de maconha
Traficante entrou no lote da Fetagri (Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Mato Grosso do Sul) e abandonou carro carregado com qua...
Vítima de latrocínio, sitiante é morto a golpes de facão e tem carro roubado
Euzébio Carneiro de Oliveira, 49, foi encontrado morto dentro de casa localizada no sítio onde morava, no assentamento Lagoa Grande. Ele foi morto co...
Jovem é surpreendido e morto em mercearia por homens em moto
Jean Carlos Muniz de Lima, 24, foi surpreendido por atiradores que chegaram em uma moto e morto a tiros em frente a uma mercearia. O crime aconteceu ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions