ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, SÁBADO  13    CAMPO GRANDE 29º

Interior

Prefeitura anuncia parceria para ampliar atendimento em postos de saúde

Laboratório de Inovação na Atenção Primária à Saúde, da Fiocruz, já funciona em Campo Grande

Por Helio de Freitas, de Dourados | 27/02/2024 14:17
Prefeito Alan Guedes entre Dinaci Ranzi e Wadno Pereira, durante coletiva, hoje (Foto: Divulgação)
Prefeito Alan Guedes entre Dinaci Ranzi e Wadno Pereira, durante coletiva, hoje (Foto: Divulgação)

Parceria com a Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) e o Ministério da Saúde promete ampliar o atendimento de saúde pública em Dourados, maior cidade do interior de Mato Grosso do Sul, a 251 km de Campo Grande.

Nesta terça-feira (27), o prefeito Alan Guedes (PP) anunciou, em entrevista coletiva, a contratação de pelo menos mais 31 profissionais de saúde (entre eles seis médicos) e ampliação do horário de atendimento em unidades de saúde consideradas estratégicas no município.

O reforço vai ser feito através da parceria firmada pela Secretaria Municipal de Saúde para implantação do projeto InovaAPS (Laboratório de Inovação na Atenção Primária à Saúde). Já em funcionamento na Capital, o projeto facilita a contratação de aprovados em programas de residência médica em Medicina da Família e Comunidade Multiprofissional em Saúde da Família.

Segundo a prefeitura, Dourados é a terceira cidade do país a fazer parte do programa e a primeira fora das capitais. As duas primeiras foram Campo Grande e Rio de Janeiro.

Alan Guedes fez o anúncio ao lado da assessora técnica do projeto, Dinaci Ranzi, e do secretário municipal de Saúde Waldo Lucena Jr. Dinaci já foi vice-prefeita de Dourados, na primeira gestão de Murilo Zauith (2011-2012).

Segundo ela, na Capital, onde o programa foi instalado de forma pioneira, apenas 8% das pessoas que procuram as nove unidades de saúde participantes são encaminhadas para atenção secundária ou terciária. “O objetivo na cidade de Dourados, nessas quatro unidades onde o programa será instalado, é resolver tudo na atenção primária. Nosso compromisso é ter essa resolutividade, com profissionais habilitados para cuidar na integralidade dos pacientes que procuram o posto de saúde”, explicou Dinaci.

Postos – Conforme o secretário de Saúde Waldno Lucena, foram escolhidos para receber o projeto os postos de saúde dos bairros Jóquei Clube (região leste, Ildefonso Pedroso (região sul), Jardim Maracanã (região norte) e Parque do Lago II (região oeste). Essas unidades passam a funcionar 12 horas por dia, das 7h às 19h.

“Vamos fortalecer o atendimento primário com a ampliação do quadro de profissionais. Com isso, esperamos também desafogar o atendimento da UPA [Unidade de Pronto Atendimento], facilitando acesso da população a serviços oferecidos pela unidade básica durante o horário convencional, incluindo curativos, consulta de rotina e vacinação”, explicou o secretário.

Além dos médicos, as equipes multiprofissionais serão formadas por enfermeiros, psicólogos, nutricionistas, fisioterapeutas e dentistas, sendo cinco em cada especialidade. “Esses profissionais farão essa residência por dois anos. O programa pretende, após esse período inicial, ter a formação de 31 especialistas por ano”, disse Waldno Lucena.

Segundo a prefeitura, incluindo esse programa, o município de Dourados passará de 40 para 63 médicos atendendo na rede primária na atual gestão. No início de 2021, das 57 Estratégias de Saúde da Família, apenas 40 tinham médicos.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas  redes sociais.

Nos siga no Google Notícias