ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, TERÇA  21    CAMPO GRANDE 21º

Interior

Traficante que despachava droga e armas de avião é preso

Com pelo menos 20 antecedentes criminais, homem foi preso na noite deste domingo em Ponta Porã

Por Helio de Freitas, de Dourados | 15/04/2024 09:57
Agente da PF e militar do Exército em operação no aeroporto de Ponta Porã (Foto: Divulgação)
Agente da PF e militar do Exército em operação no aeroporto de Ponta Porã (Foto: Divulgação)

A Polícia Federal prendeu na noite deste domingo (13) em Ponta Porã, a 313 km de Campo Grande, um traficante de drogas que se encontrava foragido da Justiça desde fevereiro de 2023. O nome dele não foi informado.

Segundo a PF, o homem é acusado de enviar drogas por meio aéreo da fronteira de Mato Grosso do Sul para o Rio Grande do Sul. Ele foi localizado através de trabalho conjunto entre policiais civis, federais e agentes da Força Nacional de Segurança Pública.

O traficante é suspeito de liderar uma organização criminosa responsável por determinar a retirada forçada de moradores de suas casas, para utilização das residências para comercialização de drogas. Algumas das vítimas fugiram ou foram mortas.

Ele foi alvo da Operação Air Mode, deflagrada em outubro de 2023 para desmantelar esquema de envio de droga de Ponta Porã para Santa Maria (RS) dentro de equipamentos eletrônicos como computadores, bebedouros e caixas do som. Os produtos eram despachados por meio de uma empresa de transporte aéreo. Somente em 2023, foram feitas pelo menos 22 remessas suspeitas.

Além disso, o homem possui pelo menos 20 registros de ocorrências criminais por roubo a pedestres, extorsão, arrombamento de residência, homicídio doloso, tráfico de entorpecentes, posse irregular de arma de fogo, associação criminosa e lesão corporal.]

Outro preso - Na semana passada, empresário Natal Junior Valandro Cecon, 58, foi preso pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) em Ponta Porã e entregue à PF. Ele tinha mandado de prisão expedido pela 7ª Vara Federal de Porto Alegre relacionado ao transporte de cocaína da fronteira para o Rio Grande do Sul e outros estados.

 o traficante estava sendo investigado há mais de uma década por ser um dos responsáveis pelo envio de cocaína do Paraguai utilizando rodovias federais de Mato Grosso do Sul. Ele morava em Ponta Porã e aparece como dono de uma distribuidora de bebidas em Terenos (MS).

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas  redes sociais.


Nos siga no Google Notícias