A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Novembro de 2019

13/10/2019 22:04

Vítimas de triplo homicídio faziam empreitada em propriedade rural

Três mortos e sobrevivente são de Guia Lopes da Laguna e prestavam serviços em fazenda a 70 km de Corumbá

Humberto Marques
Corpos de vítimas chegaram à noite em Corumbá. (Foto: Leonardo Cabral/Diário Corumbaense)Corpos de vítimas chegaram à noite em Corumbá. (Foto: Leonardo Cabral/Diário Corumbaense)

As três vítimas de um assassinato ocorrido na tarde deste domingo em Corumbá –a 419 km de Campo Grande– trabalhavam em uma propriedade rural como empreiteiros. Todos foram mortos a tiros, dois deles alvejados na cabeça, e um terceiro foi baleado no peito.

Segundo informações levantadas pelo jornal Diário Corumbaense, os três mortos e a quarta vítima –um homem de 27 anos que foi baleado na boca e sobreviveu– são de Guia Lopes da Laguna, e foram contratados para uma empreitada na Fazenda Coqueiro, que fica a cerca de 70 km do Centro de Corumbá e a 17 km da BR-262, em uma estrada de acesso ao Forte Coimbra. O crime teria ocorrido entre as 13h e as 14h.

O rapaz de 27 anos conseguiu escapar e foi até uma propriedade vizinha, onde pediu socorro. As polícias Civil e Militar e o Corpo de Bombeiros seguiram para a fazenda onde ocorreu o crime. Um dos corpos foi encontrado na sede da fazenda, outro entre duas casas e uma terceira pessoa dormia quando foi executada.

O autor não foi identificado, mas suspeita-se que se trata de uma pessoa que trabalhava em outra fazenda da região e foi ao local procurar serviço. Uma das teses para o crime é de que se trate de um latrocínio, já que o arrendatário da área teria feito pagamentos na sexta-feira (11). O assassino escapou em um carro que estava na fazenda.

O sobrevivente foi levado à Santa Casa de Corumbá, para tratamento médico. A identidade das vítimas não havia sido confirmada até a publicação desta matéria.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions