A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 23 de Janeiro de 2018

04/05/2011 13:13

Lojas Americanas agiu de má fé ao entregar imagens editadas, diz advogada

Paula Vitorino e Francisco Júnior

Segurança disse para vítima que ele entraria em "Sala do pânico"

Vigia falou novamente com a imprensa hoje, ao lado da advogada.Vigia falou novamente com a imprensa hoje, ao lado da advogada.

A advogada do vigilante que diz ter sido espancado por um segurança das Lojas Americanas sob a acusação de furtar ovo de Páscoa, Regina Iara Bezerra, afirmou que a empresa agiu de má fé quando entregou para a polícia o vídeo das câmeras de vigilância interna editado.

Inicialmente, as imagens foram fornecidas pelas Lojas Americanas de forma editada, mas a delegada Daniella Kades, que investiga o caso, já teve acesso ao vídeo na íntegra. Nesta manhã ela fez perícia na sala onde aconteceram as agressões para verificar se o local realmente não possui câmeras.

O vigilante Márcio Antonio de Souza, vítima da agressão, ainda contou que o segurança que o abordou dentro da loja e o levou para a sala reservada disse: “Agora você vai entrar na sala do pânico”.

De acordo com a delegada Regina, o crime passa a configurar como tortura e não mais como lesão corporal grave por conta do que foi dito pelo segurança à vítima.

Márcio terá de ser submetido a cirurgia para reconstituição da cartilagem do nariz. Ele sofreu lesões nos olhos, ouvidos e nariz, e afirma que ainda não ouve direito e não enxergar com o olho esquerdo.

Além das lesões, ele disse que está “traumatizado” e vai precisar de acompanhamento psicológico para se recuperar. O vigilante está tomando seis remédios por dia.

A vítima deve passar por uma nova perícia no IML (Instituto Médico Legal) daqui há quatro meses para verificar se sofreu alguma lesão permanente.

Ainda amanhã, a delegada irá apresentar queixa-crime por racismo e lesão corporal grave contra o segurança Décio Garcia de Souza, apontado como o funcionário autor das agressões. Ela também entrará na justiça contra as Lojas Americanas e a empresa de segurança do local por danos morais.



A justiça de Deus está nos 10 mandamentos.
 
Ezio José em 05/05/2011 12:49:48
Não!!! Não às Lojas Americanas, até aprenderem que ela precisa dos consumidores e não o contrário. O que aconteceu (o espancamento), só acontece pois a gerência da loja é passiva. Ou alguém acredita que os seguranças fazem esse tipo de coisa sem o conhecimento dos seus superiores.
 
Tiago Zanettin em 05/05/2011 10:45:03
Olha, Carlos Henrique, estou indignado com a sua posição, parece que não está defendendo nenhum dos dois lados, mas o que mostra é estar dando razão para essa brutalidade do segurança em achar que pode bater (espancar) nas pessoas, que aparentemente, estão parecendo furtadores. Vamos sim, esperar os fatos serem mostrados na íntegra para que possamos dar o nosso veredíto sobre o caso, mas não me venha defender esse tipo de crime absurdo, queria ver se fosse você que tivesse apanhado nessa filial das Lojas Americanas, que na minha opinião deveria ficar no ostracismo, pois não tem condições nenhuma de continuar realizando suas vendas para cidadãos de bem.
 
Rodrigo R. Maior em 05/05/2011 07:45:26
Olha é direito das lojas colocar seguranças para evitar que CLEPTOMANÍACOS, para não dizer safados, roubem dentro de suas lojas. Porém se essas mesmas lojas contratam trogloditas sem cérebro, bombado de hormônio, vão ter que pagar indenizações caras até que aprendam que o "MOLHO" vai sair mais caro que o "peixe". Será que esses lojistas não perceberam que isso vai se tornar comum. Precisa ver melhor quem contrata. Tá faltando cérebro nesta história....
 
GILMAR SOUZA CRUZ em 05/05/2011 06:38:14
Devemos lembrar que cabe somente ao "Estado" o poder de polícia, se cada cidadão se sentir no direito de praticar "justiça" com as próprias mãos em breve teremos o caos na sociedade, olho por olho, dente por dente, são coisas do passado! Esta não foi a primeira vez q ouço falar nesses ocorridos. Onde fica a "Responsabilidade Social" desta empresa?
 
Carlos Leite em 04/05/2011 11:35:20
É irrelevante se ele roubou ou não os ovos. Não diminui a gravidade do que aconteceu. O segurança está errado independente disso.
 
Murilo Delmondes em 04/05/2011 11:16:33
Olha vou dizer uma coisa há mais de 10 anos eu não entro nas lojas Americanas, justamente, por sentir que esta loja é preconceituosa. Há muitos tempo eu estava no interior dessa loja em Campo Grande, e vi que os olhares dos segurança sobre minha pessoa era redobrado em relação aos demias que faziam o mesmo que eu. Não demorou muito um dos seguranças vieram até a mim e perguntaram o que é que eu pretendia comprar. Não gostei da atitude, meio constrangido, saí da loja e fui comprar em outra e desde então nunca mas coloquei meus pés nessa loja. De lá pra cá venho prestando atenção em inúmeros ações suspeitas de racismo e preconceito envolvendo os seguranças dessa loja. Acho que os consumidores poderiam fazer um boicote, nos não precisamos dessa loja e nossas autoridades levar a sério esse tipo de comportamento por discriminação. Uma loja que julga as pessoas (clientes) pela aparencia ou pela cor da pele, que condena e aplica pena (tortura) enquanto a justiça assiste com os olhos vendados e braços cruzados. Povo de Campo Grande digam não as lojas Americanas.
 
edilson pereira da silva em 04/05/2011 08:39:22
Não estou defendendo nenhum dos lado, logico que a atitude do segurança em bater foi errada. Mais observo que as últimas reportagens feitas só falam da agressão, mais e o que o segurança disse que ele havia roubado ovos e que ele deu inicio a agressão isto está sendo apurado? porque se realmente estiver vamos aguardar antes de julgar. Conforme eu disse não estou defendendo nenhum dos lado mais se realmente ele roubou? A atitude do segurança em bater não está certa!!! Mais a atitude do outro em roubar se realmente isto aconteceu está certa? Devemos aguardar, muitos estão julgando por ele ter apanhado quanto isso até concordo mais outros estão julgando o segurança por outras coisas sem siquer saber realmente a verdade. Só que a historia é estranha né pois o mesmo que apanhou apresentou nota fiscal dos ovos de dias anteriores ao dia que ele estava na loja....Mais de qualquer forma vamos aguardar.!!! Que a justiça seja feita para quem estiver errado, e esperamos que caso realmente ocorra furtos que os seguranças não façam como fizeram com este rapaz, mais se chame os orgãos responsáveis para que tomem as medidas necessárias.
 
Carlos Henrique M. em 04/05/2011 05:42:37
fiquei abismado pela noticia e falta de Deus e principalmente a lei do nosso pais infelismente esta lei so funciona para classe pobre mais a Justiça de Deus e certa
 
orcidney vicencio de abreu em 04/05/2011 05:23:54
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions