A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

27/01/2009 16:51

Polícia apura aborto de mulher que não sabia da gravidez

Redação

A Polícia Civil investiga um caso de aborto no qual a gestante afirma não saber que estava grávida. Ela diz que perdeu o bebê, uma menina de seis meses de gestação, hoje pela manhã, na Santa Casa de Campo Grande.

O feto foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal), onde será feito exame para apurar se ocorreu um aborto espontâneo ou provocado. O delegado que requisitou o teste, Rodrigo Vasconcelos, explica que a investigação irá apurar o motivo da interrupção da gravidez.

A gestante é uma doméstica de 24 anos, que vive no Jardim Colúmbia e não é casada, segundo revelou o irmão em entrevista ao Campo Grande News. Ele conta que a notícia do parto, no qual a sobrinha nasceu morta, foi uma surpresa porque ninguém na família sabia da gravidez.

"Minha irmã não sabia que estava grávida. Ninguém sabia", ressalta. Ele conta que a jovem começou a se sentir mal hoje de madrugada.

A gestante estava sozinha em casa quando pediu ajuda ao Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e foi encaminhada ao hospital. Depois do parto, ela permaneceu internada na Santa Casa, segundo o irmão.

Ele conta que a jovem não corre risco de morte e que está "meio triste". Os nomes dos envolvidos serão preservados conforme prevê o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions