A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 20 de Outubro de 2019

30/06/2019 09:19

Caminhonete destrói muro em rua que virou “pista de corrida” na Capital

Acidente ocorreu na manhã deste domingo (30); moradora afirma que alta velocidade durante a semana é problema constante

Humberto Marques e Kerolyn Araújo
Com impacto, muro de condomínio foi destruído e residência, atingida. (Foto: Direto das Ruas)Com impacto, muro de condomínio foi destruído e residência, atingida. (Foto: Direto das Ruas)

Uma caminhonete Fiat Toro derrubou lixeiras e destruiu o muro de um condomínio residencial na Rua Cayová, no São Lourenço, na manhã deste domingo (30). O condutor do veículo, após efetuar a colisão, pediu ajuda e, em cerca de 20 minutos, foi retirado do local. Moradores afirmam que o local do acidente é marcado pela alta velocidade durante a semana, por conta de motoristas que usam como acesso de bairros como o Tiradentes e Rita Vieira à Avenida Eduardo Elias Zahran.

Síndica do Condomínio Pequiá, Mychelle Moraes, 33, contou que a colisão ocorreu por volta das 7h30. “Depois de bater no muro, o condutor desceu, fez uma ligação e veio uma pessoa em menos de 20 minutos socorrer ele”, relatou ela. A vítima não teria ferimentos. Moradores do residencial fizeram vídeos e contataram o Campo Grande News para relatar a ocorrência por meio do canal Direto das Ruas. Dentro da caminhonete, disseram ter avistado um jaleco e carimbos.

Com o impacto, parte do muro do condomínio foi destruída –atingindo, inclusive, parte de uma residência, que teve o registro da piscina danificado. A síndica ainda relatou que, antes da colisão, pelo menos duas lixeiras foram derrubadas.

Mychelle afirma que a Rua Cayová é movimentada por servir de alternativa à Avenida Três Barras para acessar a Zahran –e, dali, as regiões central e do Parque dos Poderes. A via tem cruzamentos apenas no lado direito (no sentido bairro-centro) e, por isso, a alta velocidade costuma ser uma constante. “As pessoas passam aqui correndo por causa do trânsito, mas não foi o caso hoje de manhã, que não tinha movimento. Mas é complicado porque não tem quebra-molas”, explicou a síndica.

O BPTran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito) já providenciou a retirada do veículo, que foi levado para o pátio do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul). Não foram dadas informações oficiais sobre a propriedade da caminhonete ou o nome do condutor.

Direto das Ruas – A sugestão chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99955-2040, pela ferramenta Fale Conosco ou por mensagem enviada via Facebook.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos devem ser feitos com o celular na posição horizontal.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions