A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

10/10/2014 11:06

Frequentes, infrações no trânsito de Campo Grande revoltam leitores

Stephanie Romcy
Mais um veículo em cima da faixa de pedestre. (Foto: Direto das Ruas)Mais um veículo em cima da faixa de pedestre. (Foto: Direto das Ruas)

Uma acadêmica de Psicologia enviou fotos ao Campo Grande News de veículo estacionado em cima da calçada, inclusive obstruindo o piso tátil, o que impede a passagem de deficientes visuais. O flagrante, feito nas Moreninhas, é apenas mais um dos que chegaram nos últimos dias, provando o incômodo que esse tipo de infração provoca em quem procura cumprir as regras.

A leitora, que preferiu não ter a identidade divulgada, mora na região e com frequência vê este tipo de infração. "Principalmente nos fins de semana, sempre tem algum carro parado em cima. É um desrespeito com quem precisa transitar na guia", explica.

Outro flagrante de carro estacionado em cima de calçada foi em uma rua próxima a movimentada Avenida Zahran. Um empresário relatou que diariamente o mesmo veículo fica parado na guia, na Rua Coronel Manoel Cecílio, em frente a uma loja de materiais para construção. 

Na Rua Arthur Jorge, no Bairro São Francisco, um caminhão de gás ficou atravessado na rua, atrapalhando o trânsito nesta sexta-feira (10). Segundo o leitor Edmundo Hungria, o veículo parou para fazer descarregamento da carga.

No centro de Campo Grande, um caminhão que chega a ficar dias seguidos estacionado na rua, atrapalha o trânsito, ocupando praticamente uma pista inteira na Rua Padre João Crippa. Um funcionário público, que mora na mesma rua relata que os moradores estão com medo, pois o caminhão pode dar cobertura para marginais. "Estou indignado, alguém precisa tomar providências", disse.

O Campo Grande News também também recebeu foto de um flagrante na Rua Barão do Rio Branco, próximo à praça Belmar Fidalgo. "Passo todos os dias antes das 8h e vejo veículos parados bem em cima da faixa de pedestre", reclama.

Com medo de represálias, os leitores não quiserem ter os nomes revelados.

Segundo o Código de Trânsito Brasileiro, estacionar o veículo sobre faixa destinada a pedestre, sobre ciclovia ou ciclofaixa, ao lado ou sobre canteiros centrais, divisores de pista de rolamento, marcas de canalização, gramados ou jardim público é infração grave e poder gerar multa de R$ 127,69 ao condutor.

Lembrando que a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) disponibiliza os telefones 3384-1479; 3314-3422; 3314-3423 e 118 para a população fazer denúncias de casos como estes.

 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions