ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, SEGUNDA  27    CAMPO GRANDE 27º

Jogo Aberto

Candidato a senador promete dividir mandato com suplentes

Por Anahi Zurutuza, Gabriela Couto e Adriel Mattos | 10/05/2022 06:00
Tiago Botelho em evento no fim de semana. (Foto: Divulgação)
Tiago Botelho em evento no fim de semana. (Foto: Divulgação)

Moeda de troca – Candidato ao Senado pelo PT, Tiago Botelho, promete, se eleito, dividir seu mandato, de oito anos, com os suplentes. A oferta é atraente. Cada um dos dois suplentes terá “direto” a seis meses de Senado, com tudo que tem direito o eleito, pago pelo contribuinte. Um já foi escolhido, é o empresário Bruno Miguéis, PT de Corumbá. O outro ainda está sendo procurado. A preferência é por uma mulher de Campo Grande.

Virtual – Em nove meses, o Judiciário de Mato Grosso do Sul recebeu 1,8 mil reclamações de cidadãos que foram transformadas em processos (atermações judiciais) por videochamada. Desde agosto do ano passado, por determinação do desembargador Alexandre Bastos, presidente do Conselho de Supervisão dos Juizados Especiais, todas as ações apresentadas pelos jurisdicionados, sem a intermediação de advogado, passaram a ser feitas de forma virtual.

Tudo se copia... - Tentando colar na campanha de marketing da pré-candidata ao governo do Estado, a deputada federal Rose Modesto (União Brasil), o pré-candidato a deputado federal Sindoley Morais (União Brasil) copiou a ideia do slogan "#ÉEla" e trocou para o gênero masculino.

Isolados – O secretário estadual de Governo, Eduardo Rocha, testou positivo para covid-19 no domingo (8). Ele tem sintomas leves, mas ficará isolado com a esposa, a senadora e pré-candidata do MDB à Presidência, Simone Tebet, em casa. Com a agenda cancelada, ela deve realizar exame nesta terça-feira (10) e só em caso de negativo, voltará à ativa.

De MS para Roma – A delegada Ana Cláudia Medina, diretora do Dracco (Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado) da Polícia Civil do Mato Grosso do Sul, está em Roma, na Itália. Ela foi a convidada do George C. Marshall European Center For Security Studies para participar da nova etapa do Fórum Internacional de Combate ao Crime Organizado Transnacional. Ela participa do encontro de profissionais da segurança pública de 11 países.

Primeira condenação – Assassino confesso do estudante sul-mato-grossense Marco Vinício Bozzana da Fonseca, 25 anos, que morava em Curitiba (PR), José Tiago Correia Soroka, 33 anos, foi condenado a 30 anos de prisão. A primeira condenação é o resultado final de processo pela morte de Robson Olivino Paim, de 36 anos. O criminoso ainda será julgado pelo crime cometido pelo jovem que saiu de Mato Grosso do Sul para estudar Medicina.

Preparação – A Prefeitura de Campo Grande está autorizada a oferecer cursinhos preparatórios para o vestibular. A ideia é que as aulas gratuitas deem chance a alunos de escolas públicas, com renda familiar mensal de até 3 salários mínimos, concorram em pé de igualdade com os concurseiros que se preparam em escolas privadas. A lei autorizativa, que não obriga o poder público tirar o projeto do papel, foi sancionada pela prefeita Adriane Lopes (Patriota).

Votação – Quatro projetos encaminhados pelo Executivo municipal devem ser votados, nesta terça-feira (10), na Câmara de Campo Grande. Entre as propostas assinadas pela prefeitura, estão a que faz alterações no Plano Plurianual e as que tratam de doações de áreas pública.

Recursos – Em breve, a Guarda Civil Metropolitana de Campo Grande deve investir R$ 432.750,00 para comprar viaturas novas. A Sesdes (Secretaria Especial de Segurança e Defesa Social) aderiu a ata de registro de preços da Sejusp (Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública), que tem como fornecedora a empresa Dismoto Distribuidora, e em breve, deve efetivar as aquisições.

Conscientização – O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) sancionou lei que cria o Programa de Conscientização do Câncer Colorretal, a fim de incentivar as pessoas a se precaverem passando periodicamente por exames.

Nos siga no Google Notícias