A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

30/10/2014 12:49

Deputado pede a convocação de aprovados em concurso da PM

Leonardo Rocha
Deputado Felipe Orro pediu a convocação de aprovados, para contribuir com a segurança no Estado (Foto: Giuliano Lopes/ALMS)Deputado Felipe Orro pediu a convocação de aprovados, para contribuir com a segurança no Estado (Foto: Giuliano Lopes/ALMS)

O deputado Felipe Orro (PDT) foi ao plenário da Assembleia, na sessão de hoje (30), pedir a convocação de 130 aprovados no concurso da Polícia Militar, que foi realizado em 2013. De acordo com ele, os candidatos já passaram por quatro fases de avaliação e já estão prontos para fazerem parte do quadro da polícia.

"As fronteiras de nosso Estado precisam de mais segurança e o ingresso dos 130 candidatos que estão aptos sem dúvida será um grande reforço”, disse o deputado. Orro ponderou que a convocação dos aprovados deve ser feita de forma urgente, já que segundo ele, existe um defasagem no efetivo policial em Mato Grosso do Sul.

Seguindo este caminho, o deputado Pedro Kemp (PT) também solicitou, por meio de indicação, providências do poder executivo para chamar os aprovados neste concurso.

Efetivo - O presidente da ACS-MS (Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros), Edmar Soares da Silva, afirmou que o efetivo ideal para Policia Militar seria de 10.479, enquanto que hoje dispõe de apenas 4.445 policiais.

Já o comandante da Polícia Militar, o coronel Valter Godoy, contestou estes números, afirmando que existe um déficit de 3,9 mil militares. Ele disse que o número atual não é ideal, mas está "dando conta do recado". Ainda lembrou que governo já convocou 550 aprovados e ainda irá chamar 290 até o final do ano, o que vai melhorar de forma significativa o serviço prestado.

O novo governador eleito, Reinaldo Azambuja (PSDB), também já se posicionou sobre tema, garantindo que irá chamar os aprovados em concurso, para aumentar o efetivo da segurança pública, tendo este setor como prioridade. Ele também quer parcerias e novos investimentos do governo federal, na área de fronteira.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions