A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

09/10/2015 10:28

Escola das Moreninhas vai receber projeto teste do governo e Microsoft

Aline dos Santos e Leonardo Rocha

A escola Waldenir Barros da Silva, nas Moreninhas, vai receber 20 aparelhos dois-em-um, que pode ser utilizado como tablet e notebook. Os equipamentos foram doados hoje de manhã pela Microsoft ao governo do Estado.

Será montada uma sala modelo no colégio de Campo Grande e, caso o teste seja bem sucedido, o projeto pode ser ampliado. A empresa também firmou termo de cooperação para uso do Office 365. O pacote de programas, apontado com o mais moderno para redes sociais corporativas, será distribuído para todas as escolas. A ferramenta vai possibilitar interação entre os professores e alunos.

Os docentes farão curso online sobre as novas tecnologias e formas de aprendizado. “As escolas precisam evoluir no setor educacional com tecnologia e inovação, as crianças já têm acesso em casa a vários aplicativos e Office, mas não tem na escola, no dia a dia junto ao professor. É importante parceria com a Microsoft porque se trata de empresa de ponta, tanto na tecnologia quanto na inovação”, afirma o governador Reinaldo Azambuja (PSDB).

Ele destacou que o curso de formação dos candidatos foi pela internet. O governo também pretende informatizar todo o processo de matricula na rede estadual em 2016. Segundo Azambuja, a intenção é melhorar os indicativos do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica).

Superintendente da SGI (Superintendência de Gestão de Informação), Alessandro Menezes afirma que todos os cidadãos já estão acostumados com os produtos da Microsoft. “É ferramenta importante para interação entre alunos e professores em casa, na rua, por meio do celular”, diz.
A expectativa é que o Office seja implantado em todas as escolas até o segundo semestre do ano que vem.

“As tecnologias modernas vão melhorar o aprendizado dos alunos e o contato com os professores. Isso vai influenciar muito na hora do acesso desse estudante ao mercado de trabalho. A longo prazo, ainda vai trazer menos custos para escola e para o governo”, afirma o diretor do segmento educacional da Microsoft, Antônio Moraes.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions