A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

30/05/2014 08:30

Olarte lança hoje programa de qualificação e se reúne com ministro da Saúde

Kleber Clajus
Prefeito também visita obras durante a tarde no Bairro Cidade Morena (Foto: Marcos Ermínio / Arquivo)Prefeito também visita obras durante a tarde no Bairro Cidade Morena (Foto: Marcos Ermínio / Arquivo)

O prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP), participa nesta sexta-feira (30) do lançamento do Programa “Campo Grande mais Qualificação”, em parceria com a Fiems (Federação das Indústrias do Estado Mato Grosso do Sul), além de visitar canteiro de obras de drenagem no Bairro Cidade Morena e participar de seminário sobre o Programa “Mais Médicos”, com o ministro da Saúde Arthur Chioro.

Durante a manhã, a partir das 8h, Olarte participa da abertura do Dia da Inclusão Social e Profissional, na sede da Funsat (Fundação Social do Trabalho de Campo Grande). O governador André Puccinelli (PMDB) também deve acompanhar o evento.

Em seguida, às 11h, será lançado programa de qualificação profissional gratuito. As ações serão realizadas em parceria com a Fiems na Capital.

Visita a obra e seminário - No período da tarde, às 13h, o progressista visita a retomada de obras de drenagem no Bairro Cidade Morena, na esquina das Ruas Cana Verde e Buenópolis.

Na área, serão realizadas obras de contenção de enchentes paralisadas há mais de dois anos, pois a Caixa Econômica Federal exigia controle de erosão próximo a nascente do córrego Gameleira. Ao todo a intervenção terá investimento de R$ 3,5 milhões, sendo R$ 2,2 milhões saldo do PAC Lagoa (Programa de Aceleração do Crescimento) e o restante proveniente de emendas parlamentares.

Olarte também deve acompanhar seminário com o ministro da Saúde, Arthur Chioro, intitulado “Mais Médicos para o Brasil, Mais Saúde para os Brasileiros”. O evento ocorre, a partir das 14h, no Auditório Germano Barros de Souza, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo.

A expectativa, no entanto, é em torno de respostas do ministro a pedidos por mais aumento do repasse para a Santa Casa, bem como destravamento da obra de construção do Hospital do Trauma, paradas há um ano e seis meses.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions