A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

19/08/2013 17:27

Irregularidade em empreendimento imobiliário gera debate no Facebook

Bruno Chaves
Internauta denunciou na internet que empresa está secando uma mina d'água (Foto: Reprodução/Facebook)Internauta denunciou na internet que empresa está secando uma mina d'água (Foto: Reprodução/Facebook)

Indignado com a “ganância imobiliária” em Campo Grande, o corretor de imóveis Adelci Paulo Flores publicou no Facebook a foto de um empreendimento, que fica em frente ao Edifício Renoir, localizado na rua Jintoku Minei, bairro Royal Park, que estaria depredando o meio ambiente. A publicação gerou debate entre os usuários da rede social.

Para o internauta, as construtoras “desconsideram forças da natureza”. Ele afirma que, no local, bombas tentam, dia e noite, esgotarem uma mina d'água para construírem o prédio.

Com a publicação, diversos usuários começaram a citar supostos “casos irregulares” de diversas construtoras instaladas na Capital. Eles também pedem fiscalização do Ministério Público do Meio Ambiente e da Prefeitura de Campo Grande.

Na região do empreendimento, existem três construtoras atuando. Todas foram procuradas pela reportagem. A Construbase e a Plaenge informaram que o canteiro de obras em questão não pertence a seus halls de empreendimentos. A terceira, Helbor, não foi encontrada para comentar a situação.

O Campo Grande News também procurou a assessoria de imprensa da prefeitura para conseguir informações acerca de alvarás e liberações. No entanto, até o fechamento desta matéria, ninguém respondeu aos questionamentos.

Ação oferece serviço especial na UBSF do Tarumã nesta terça-feira
A UBSF (Unidade Básica de Saúde da Família) do Tarumã promove nesta terça-feira (12) diversas atividades voltadas para a promoção de saúde da populaç...
Prefeitura e Sebrae fazem estudo em lojas para revitalizar rua 14 de Julho
A prefeitura de Campo Grande a o Sebrae de Mato Grosso do Sul estão realizando na rua 14 de Julho, Centro da cidade, um estudo técnico em 230 lojas, ...
Mau atendimento e buracos em pista atrapalham alunos em prova do Detran
O mau atendimento prestado por alguns dos examinadores e buracos presentes na pista de provas do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato...


Antes de qualquer crítica devemos nos informar sobre o assunto, pela imagem podemos analisar que foi executada uma escavação, em muitos lugares encontra-se água poucos metros a baixo do nível do terreno, isso não quer dizer que ali é uma "mina d`água". Não conheço a área do terreno mas criticar é fácil só que antes deve-se ter certeza do que está falando...
 
Engº Thiago Mateini em 20/08/2013 13:42:08
As construções estão proibidas nesta área, que é de mananciais, daí verter tanta água. Mas como é local nobre e envolve construtoras poderosas, dane-se o meio ambiente. Creio que já existe um dispositivo legal quanto a essa proibição, acho que estadual. Com a palavra o MP do Meio Ambiente....embarga e compensa, fora a multa, claro...!!!
 
DR FABIO VERSOLATO em 20/08/2013 09:22:23
Parabéns colega, vamos preservar o meio ambiente, estamos sob o aquífero guarani.
 
Paulo Rodi em 20/08/2013 07:37:08
este empreendimento é da construbase. Trata-se de uma torre residencial, com um apartamento por andar. Realmente é um desreipeito ao meio ambiente. A bomba trabalha 24hrs por dia para esgotar a agua que mina do solo. A prefeitura tem que saber como e porque autorizou a obra. O MP tem que intervir
 
neide camargo em 19/08/2013 18:55:49
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions