A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Outubro de 2019

16/01/2019 22:19

Jovem que esquartejou 3 cães procura a polícia após ameaças de morte

Dois dos animais tinham sido adotados em abrigo do município

Adriano Fernandes
Elieverton deixando a delegacia, no dia em que se entregou e admitiu o crime. (Foto: Olimar Gamarra) Elieverton deixando a delegacia, no dia em que se entregou e admitiu o crime. (Foto: Olimar Gamarra)

Depois de ter esquartejado três cachorros na última semana em Rio Brilhante – a 163 quilômetros de Campo Grande-, Elieverton Vargas Barbosa, de 18 anos, procurou a polícia na manhã desta quarta-feira (16), após ameaças de morte pela internet.

Na ocasião dos maus tratos, Elieverton mutilou os animais com uma faca. Um deles teve a cabeça, patas e outras partes do corpo arrancadas. No dia seguinte ele se entregou à polícia, confessou o crime o atribuído ao consumo de bebidas alcoólicas e foi liberado.

Desde então o rapaz passou a receber várias mensagens de ameaças de morte por redes sociais. Em uma delas enviada por um homem, de 27 anos, via Facebook ele diz que "se encontrar o jovem esquartejador na rua vai fazer pior com ele e acabar com sua vida’’, conforme o Rio Brilhante em Tempo Real.

Contudo, hoje ele procurou a delegacia de Polícia Civil e registrou um boletim por ameaça, contra o homem que o teria ameaçado.

O caso - Na quinta (10), policiais militares foram acionados pouco depois das 20h para atender a ocorrência de maus tratos em uma casa na Rua Leandro Brites, na Vila Nova Esperança. O cunhado do autor disse que o rapaz estava alterado e portava uma faca. Os cães foram mutilados. Um deles teve a cabeça, patas e outras partes do corpo arrancadas.

Boletim de ocorrência sobre o caso, que chocou a população, reporta que o suspeito se apresentou às 8h de sexta-feira e, em depoimento, disse estar alcoolizado e, quando percebeu, já havia praticado o crime. Os três cães pertenciam a Barbosa e ao rapaz com quem mora.

Elieverton Vargas também foi multado em R$ 4,5 mil pela PMA (Polícia Militar Ambiental). 

Corpo dos animais mutilados pelo suspeito. (Foto: Divulgação) Corpo dos animais mutilados pelo suspeito. (Foto: Divulgação)
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions