A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

12/07/2010 10:50

Para família, marido é suspeito de matar adolescente

Redação

A família da adolescente Thatyane Romeiro Rocha, de 16 anos, que foi morta com um tiro na cabeça, acredita que o caso foi mais uma tragédia com motivação passional.

Para a mãe e o irmão da vítima, o principal suspeito é o marido da adolescente. Irmão da garota, Jefferson Romeiro Rocha, de 18 anos, relata que o cunhado fazia ameaças.

"Ele dizia que se ela não ficasse com ele, não ia ficar com mais ninguém", conta o jovem após voltar do enterro da irmã, que foi sepultada na manhã de hoje no cemitério Cruzeiro.

Thatyane e Eberson moraram juntos na casa da família, no bairro Nova Lima, por três meses e romperam há uma semana. Contudo, na última quinta-feira, ela decidiu procurar pelo marido e foi para a casa dele, no bairro Cerejeiras.

A família só voltou a ter notícias da adolescente quando o corpo dela foi encontrado ontem na rua Estevão de Mendonça, Vila Nasser. Segundo os familiares, o casal protagonizava diversas brigas.

A garçonete Marlene Romeiro da Silva, de 35 anos, mãe da vítima, conta que em uma das brigas, Eberson quebrou o braço de um amigo da família e atirou um tijolo dentro da casa. Eles estavam rompidos, mas ele insistia em entrar na casa.

Mãe de nove filhos, Marlene afirma que tentou alertar a segunda filha mais velha sobre os riscos do relacionamento. "Mas ela gostava dele. Quem vê cara, não vê coração".

A família conta que conseguiu informações sobre os passos do casal no sábado. "Eles tinham ido a uma festa na região da Vila Nasser", afirma a mãe. Segundo ela, a descrição dada por testemunhas do homem que acompanhava a adolescente "bate" com a fisionomia de Eberson. "Era moreno claro, usava boné e tinha estatura mediana". Desde o crime, ele não foi mais visto.

Ontem, uma testemunha disse que viu um Astra 4 portas frear próximo ao local onde foi encontrado o corpo de Thatyane e sair de ré em alta velocidade. Para a família, o condutor não tem relação com a morte e apenas freou ao se deparar com o corpo.

Mortas

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions